Usamos cookies para segurança, melhor experiência e personalização de conteúdo de acordo com a nossa Política de Privacidade.
Clique em "Configurar cookies" para gerenciar suas preferências.

X

Para "Aceitar", selecione os itens e clique no botão abaixo:

Bolsas da Europa ficam divididas entre ganhos e a estabilidade

Data de criação:

access_time 10/05/2021 - 13:51

Data de atualização:

access_time 10/05/2021 - 13:51
format_align_left 2 minutos de leitura

Quer saber como investir?

Abra AGORA sua conta no banco digital dos investidores

QUERO ABRIR MINHA CONTA

As bolsas de valores da Europa fecharam divididas entre os ganhos e a estabilidade nesta segunda-feira (10/05), em dia de agenda global enfraquecida. As atenções estavam voltadas para as ações das companhias de petróleo, bem como nas demais commodities.

Índices: o índice Stoxx Europe 600 fechou em alta de 0,10% aos 445.39 em Londres; o FTSE-100 (Londres) ficou em queda de 0,08% aos 7.123; o DAX 30 (Frankfurt) ficou estável aos 15.400; o CAC 40 (Paris) ficou estável aos 6.385; o FTSE-MIB (Milão) ficou em alta de 0,78% aos 24.802; o Ibex 35 (Madri) ficou em alta de 0,94% aos 9.144; e o PSI-20 (Lisboa) ficou em alta de 0,54% a 5.177.

O índice pan-europeu manteve a valorização nesta sessão. As ações das mineradoras subiram quase 3% com os preços do minério de ferro atingindo as máximas.

O otimismo no Velho Continente também foi embalado pelas reaberturas das economias e com a maioria dos bancos centrais mantendo as políticas monetárias. As ações das empresas que serão beneficiadas com o retorno ao novo normal foram as que mais subiram.

Entre as mineradoras com ganhos na bolsa de Londres ficaram as da Rio Tinto, alta de 1,88%, as da BHP, alta de 3%, e a da Glencore, ganho de 2,63%. Na contramão ficaram as ações da Experian, queda de 3,10%, a Aveva Group, queda de 2,90%, e as da Renishaw, queda de 3,05%.

Na China, os futuros de minério de ferro subiram 10% para um recorde. Os preços do aço subiram 6% e os preços do cobre também avançaram. O sentimento é de melhora da demanda em meio com a retomada econômica.

Na Europa, a situação econômica na Zona do Euro continua melhorando. O índice Sentix subiu pela terceira vez consecutiva para 6,3 pontos. Em abril, o índice ficou em 13,1 e está em 21,0 para maio. O índice geral atinge seu maior valor desde março de 2018, o que significa que a recessão provocada pela crise da Covid-19 está sendo superada.

Na Alemanha, a avaliação da situação chega a subir pela 12ª vez consecutiva para 15,3 pontos. Este é o melhor valor desde maio de 2019. As expectativas econômicas atingem um recorde histórico.

No Reino Unido, os preços das casas ganharam força em abril ante os resultados do mês anterior. O preço médio estava em £ 258,204, um aumento de 1,4% mês a mês e 8,2% ao ano, a maior taxa de crescimento anual em 5 anos. Em termos de caixa, quase £ 20 mil foram adicionados ao valor de uma casa média, uma vez que o mercado praticamente estagnou em abril de 2020. Os dados são do Halifax.

*Tradução ID com agências e relatórios

Pretende diversificar a
sua carteira
de investimentos?