Usamos cookies para segurança, melhor experiência e personalização de conteúdo de acordo com a nossa Política de Privacidade.
Clique em "Configurar cookies" para gerenciar suas preferências.

X

Para "Aceitar", selecione os itens e clique no botão abaixo:

Bolsas da Europa mantiveram os ganhos com apenas Londres recuada

Data de criação:

access_time 17/12/2020 - 16:34

Data de atualização:

access_time 17/12/2020 - 16:34
format_align_left 2 minutos de leitura

Quer saber como investir?

Abra AGORA sua conta no banco digital dos investidores

QUERO ABRIR MINHA CONTA

As bolsas de ações da Europa sustentaram os ganhos por mais uma sessão nesta quinta-feira. Os fatores ainda são os mesmos, como o acordo Brexit, o pacote nos Estados Unidos e, o mais importante, o início das imunizações contra a Covid-19 nos demais países do Continente. Além disso, o Banco Central da Inglaterra manteve a política monetária inalterada.

Ao final, o índice Stoxx Europe 600 fechou em alta de 0,30% aos 397.08 pontos em Londres; o FTSE-100 (Londres) ficou em queda de 0,30% aos 6.551 pontos; o DAX 30 (Frankfurt) ficou em alta de 0,75% aos 13.667 pontos; o CAC 40 (Paris) ficou estável aos 5.549 pontos; o FTSE-MIB (Milão) ficou em alta de 0,12% aos 22.012 pontos; o Ibex 35 (Madri) ficou em alta de 0,167 aos 8.153 pontos; e o PSI-20 (Lisboa) ficou em alta de 0,61% a 4.825 pontos.

Hoje, além dos estímulos aprovados pela Comissão Europeia de € 1,8 trilhão, a Alemanha e a França disseram que poderão iniciar o processo de vacinação na última semana de dezembro com a vacina Pfizer-BioNtech, ou seja, assim que aprovada pela Agência Europeia de Medicamentos.

Na bolsa de Londres, o índice caiu mesmo com o Banco Central de Inglaterra mantendo a política monetária. O que se espera agora é um acordo Brexit.

O banco manteve sua principal taxa de empréstimo em 0,1%, tendo cortado duas vezes de 0,75% desde o início da pandemia em março, e manteve seu estoque alvo de compras de ativos em £ 895 bilhões (US$ 1,2 trilhão). Em sua última reunião em novembro, o Comitê de Política Monetária (MPC) votou para expandir sua compra de títulos, uma vez que a Inglaterra entrou em um bloqueio nacional de um mês em meio a um ressurgimento de casos Covid-19

Por fim, as expectativas estão elevadas com os legisladores dos Estados Unidos próximos de um acordo sobre o pacote de estímulo de US$ 900 bilhões, enquanto o Federal Reserve prometeu continuar canalizando dinheiro para os mercados até que a recuperação econômica da maior potência do mundo esteja firme.

Entre as ações com ganhos no DAX-30 ficaram as da SAP, alta de 2,14%, Adidas em alta de 1,58%, Merck, alta de 1,535, e Deutsche Bank, alta de 1,42%.

Na Europa, a taxa de inflação anual da Zona do Euro foi de -0,3% em novembro de 2020, estável em relação a outubro. Um ano antes, a taxa era de 1,0%. A inflação anual da União Europeia foi de 0,2% em novembro de 2020, ante 0,3% em outubro. Um ano antes, a taxa era de 1,3%. Estes dados são publicados pelo Eurostat, o serviço de estatística da União Europeia.

*Tradução ID com agência Efe e relatórios

Pretende diversificar a
sua carteira
de investimentos?