Usamos cookies para segurança, melhor experiência e personalização de conteúdo de acordo com a nossa Política de Privacidade.
Clique em "Configurar cookies" para gerenciar suas preferências.

X

Para "Aceitar", selecione os itens e clique no botão abaixo:

Bolsas da Europa sustentam ganhos e IBEX 35 marca recorde em Madri

Data de criação:

access_time 17/05/2021 - 14:53

Data de atualização:

access_time 17/05/2021 - 14:53
format_align_left 2 minutos de leitura

Quer saber como investir?

Abra AGORA sua conta no banco digital dos investidores

QUERO ABRIR MINHA CONTA

As bolsas de ações da Europa fecharam sem direção nesta segunda-feira (17/05). Os investidores monitoraram as ações na Ásia, depois que os dados econômicos da China desapontaram. Entretanto, o bom humor levou o índice da bolsa espanhola para recorde.

Índices: o índice Stoxx Europe 600 ficou estável aos 442.29 em Londres; o FTSE-100 (Londres) ficou em queda de 0,15% aos 7.032; o DAX 30 (Frankfurt) ficou em queda de 0,13% aos 15.396; o CAC 40 (Paris) ficou em queda de 0,28% aos 6.367; o FTSE-MIB (Milão) ficou em alta de 0,39% aos 24.862; o Ibex 35 (Madri) ficou em alta de 0,11% aos 9.155; e o PSI-20 (Lisboa) ficou em alta de 0,89% a 5.241.

O índice pan-europeu ficou estável, depois de várias escorregadas na semana passada com o fantasma da inflação dos Estados Unidos perturbando os mercados de ações.

O grande destaque das negociações de hoje foi a bolsa de Madrid, com  o índice IBEX 35 em recorde e rompendo os 9.155 pontos, com as ações da Telefônica valorizadas em 3,47%, as da Braskem subiram 3,09% e as da Arcelor Mittal avançaram 1,47%.

O bom humor seguiu em Londres, depois que a economia britânica foi reaberta. Mais de 65 milhões de pessoas voltaram parcialmente para a vida normal, isso depois de quatro meses de medidas restritivas ainda mais severas para impedir a disseminação da Covid-19.

Do lado corporativo, as ações da Bayer caíram 3,1%, isso depois que o tribunal federal de apelações dos Estados Unidos manteve a sentença de US $ 25 milhões e o veredicto de que o Roundup, produto químico para eliminar erva daninha das lavouras, tenha causado o linfoma não Hodgkin em um morador da Califórnia.

Entre as ações com ganhos na bolsa de Londres ficaram as da Fresnillo, alta de 3,46%, BT Group, alta de 2,94%, Rio Tinto, alta de 2,285, BHP Group, alta de 1,06%, e a Anglo American, alta de 0,95%. Na contramão ficaram as da Rolls-Royce Holding, queda de 4,33%, as da Antofagasta, queda de 4,30%, as da International Consolidated Airlines, queda de 3,67%, e as da WEIR Group, queda de 2,88%.

*Tradução ID com relatórios

Pretende diversificar a
sua carteira
de investimentos?