Usamos cookies para segurança, melhor experiência e personalização de conteúdo de acordo com a nossa Política de Privacidade.
Clique em "Configurar cookies" para gerenciar suas preferências.

X

Para "Aceitar", selecione os itens e clique no botão abaixo:

Dólar comercial fecha em alta aos R$5,670 e avança em Nova York

Data de criação:

access_time 25/03/2021 - 17:41

Data de atualização:

access_time 25/03/2021 - 17:41
format_align_left 2 minutos de leitura

Quer saber como investir?

Abra AGORA sua conta no banco digital dos investidores

QUERO ABRIR MINHA CONTA

O dólar comercial bem que ensaiou uma valorização mais forte sobre o real, mas acabou perdendo força nas negociações desta quinta-feira (25/03). Pela manhã, o mercado cambial seguiu monitorando as notícias vindas de Brasília, no começo da tarde ensaiou os R5,70, mas acabou voltando. O Banco Central do Brasil entrou com leilões.

Hoje, o mercado acompanhou a coletiva do presidente do BCB, Roberto Campos Neto, sobre o Relatório de Inflação de março, quando voltou a reiterar o processo altista da taxa referencial, a Selic. O BCB trabalha com mais 0,75 p.p para a próxima reunião e, segundo Campos Neto, a probabilidade de uma puxada maior só deverá ocorrer com “alguma coisa fora do cenário”. Aliás, os agentes de mercado também consideram que os movimentos do BCB deverão levar a taxa para a neutralidade no final do ano.

Já na bolsa de Nova York, o DXY manteve a alta pela segunda sessão consecutiva. O Bitcoin caiu quase 6%.

Ao final, no interbancário, a moeda ficou em alta de 0,55% aos R$5,670 para a venda. O turismo ficou em alta de 1,04% aos R$5,853 para a venda.

O euro ficou em alta de 0,17% aos R$6,672 para a venda. A libra subiu 0,80% aos R$7,790 para a venda. O peso argentino ficou em alta de 0,27% aos R$0,062 para a venda.

Nesta quinta-feira (25/03), o Banco Central do Brasil realizou o leilão de venda conjugado com o de compra pós-fixado na Selic para o interbancário. O BCB vendeu os US$ 3,0 bilhões, conforme comunicado da oferta no início da semana.

Foi aceita uma proposta de US$1,200 bilhão e taxa de corte em 0,890000%; no segundo foram aceitas duas propostas totalizando US$870 milhões e taxa de corte em 0,930000%; e no terceiro a autoridade monetária aceitou duas propostas totalizando US$930 milhões e taxa de corte de 0,940000%.

Por fim, o BCB vendeu o lote de 16 mil contratos para rolagem em 03 de maio de 2021. Foram vendidos 7.500 contratos com vencimento para 01 de dezembro de 2021 e o restante para 01 de abril de 2022.

Cenário externo

Na bolsa de Nova York, o índice DXY, que compara o movimento das seis moedas mais importantes ante o dólar americano, ficou em alta de 0,38% a 92,88.

O euro caiu 0,44% a US$ 1.1762 e a libra esterlina subiu 0,34% a US$1.3733.

O preço do ouro caiu 0,41% a US$ 1.726,10 a onça.

O Bitcoin caiu 5,45% a US$52,462,05.

*Por Ivonéte Dainese

 

 

Pretende diversificar a
sua carteira
de investimentos?