Usamos cookies para segurança, melhor experiência e personalização de conteúdo de acordo com a nossa Política de Privacidade.
Clique em "Configurar cookies" para gerenciar suas preferências.

X

Para "Aceitar", selecione os itens e clique no botão abaixo:

Dólar fecha em alta moderada aos R$5,518 para a venda

Data de criação:

access_time 22/03/2021 - 18:12

Data de atualização:

access_time 22/03/2021 - 18:12
format_align_left 2 minutos de leitura

Quer saber como investir?

Abra AGORA sua conta no banco digital dos investidores

QUERO ABRIR MINHA CONTA

Depois de recuar 1,33% na semana passada, o dólar comercial fechou em alta moderada nesta segunda-feira (22/03).

O mercado cambial ficou voltado para o cenário externo, com destaque para a Turquia e o sistema financeiro impactado pela decisão do Banco Central em elevar a taxa de juros para 19% ao ano.

A crise sanitária do Brasil ficou no radar, com o avanço da pandemia de coronvírus, bem como as incertezas que rondam o cenário político.

Na bolsa de Nova York, os índices acionários fecharam com ganhos e o DXY recuou. O Bitcoin também perdeu força nesta sessão.

Ao final, no interbancário, a moeda ficou em alta de 0,59% aos R$5,518 para a venda. O turismo ficou com valorização de 0,18% aos R$5,673 para a venda.

O euro ficou em alta de 0,86% aos R$6,585 para a venda. A libra ficou em alta de 0,84% aos R$7,651 para a venda. O peso argentino ficou em alta de 0,29% aos R$0,060 para a venda.

O Banco Central do Brasil vendeu o lote de 16 mil contratos no leilão de swap para rolagem em 03 de maio de 2021. Foram 1.000 contratos com vencimento para 01 de dezembro de 2021 e o restante para 01 de abril de 2022.

Nesta segunda-feira, o BCB também anunciou leilões de vendas conjugadas para o dia 25 de março. Serão leilões de compra no mercado interbancário na modalidade pós-fixado Selic. Serão três certames simultâneos e aceitos no máximo US$ 3,0 bilhões. As propostas serão acolhidas entre 10h20 e 10h25.

Cenário externo

Na bolsa de Nova York, o índice DXY, que compara o movimento das seis moedas mais importantes ante o dólar americano, caiu 0,16% a 91,77.

O euro subiu 0,23% a US$ 1.1932 e a libra esterlina ficou estável a US$1.3861.

O preço do ouro caiu 0,24% a US$ 1.737,50 a onça.

O Bitcoin caiu 4,63% a US$54,991,16.

*Por Ivonéte Dainese

Pretende diversificar a
sua carteira
de investimentos?