Usamos cookies para segurança, melhor experiência e personalização de conteúdo de acordo com a nossa Política de Privacidade.
Clique em "Configurar cookies" para gerenciar suas preferências.

X

Para "Aceitar", selecione os itens e clique no botão abaixo:

Dólar fecha em queda aos R$5,718 para venda e recua em Nova York

Data de criação:

access_time 13/04/2021 - 17:50

Data de atualização:

access_time 13/04/2021 - 17:50
format_align_left 2 minutos de leitura

Quer saber como investir?

Abra AGORA sua conta no banco digital dos investidores

QUERO ABRIR MINHA CONTA

O dólar comercial perdeu força nesta terça-feira (13//04). Ficaram no radar do mercado cambial os dados de inflação dos Estados Unidos, em dia de indicadores relevantes, e que afastaram os temores de uma mudança de trajetória na política monetária pelo Federal Reserve.

Na bolsa de Nova York, o índice DXY ficou em queda. O Bitcoin ganhou força e as moedas europeias subiram.

Por aqui, no interbancário, o dólar comercial ficou em queda de 0,08% aos R$5,718 para a venda. O turismo ficou em queda de 0,29% aos R$5,870 para a venda.

“A valorização do real frente ao dólar ocorreu em sintonia com desvalorização do dólar no exterior, ao mesmo tempo em que os juros longos dos Treasuries renovaram mínimas, após um leilão de US$ 24 bilhões em T-notes de 30 anos, cuja demanda ficou acima da média. Portanto, não é um movimento focalizado na moeda local e sim no enfraquecimento da moeda americana”, escreveu o analista da Portofino Multi Family, Thomás Gibertoni.

O euro ficou em alta de 0,26% aos R$6,833 para a venda. A libra ficou estável aos R$7,864 para a venda. O peso argentino caiu 0,14% aos R$0,062 para a venda.

O Banco Central do Brasil – BCB vendeu o lote de 15 mil contratos nesta terça-feira. Foram 12.700 contratos com vencimento para 01 de novembro e o restante com vencimento para 01 de abril de 2022.

Cenário externo

Na bolsa de Nova York, o índice DXY, que compara o movimento das seis moedas mais importantes ante o dólar americano, ficou em queda de 0,33% a 91,83.

O euro ficou em alta de 0,31% a US$ 1.1949 e a libra esterlina ficou em alta de 0,11% a US$1.3752.

O preço do ouro ficou em alta de 0,76% a US$ 1.745,90 a onça.

O Bitcoin subiu 4,88% a US$63,081,47.

*Por Ivonéte Dainese

Pretende diversificar a
sua carteira
de investimentos?