Usamos cookies para segurança, melhor experiência e personalização de conteúdo de acordo com a nossa Política de Privacidade.
Clique em "Configurar cookies" para gerenciar suas preferências.

X

Para "Aceitar", selecione os itens e clique no botão abaixo:

Easynvest faz uma troca na Carteira Small Caps para junho

Data de criação:

access_time 01/06/2021 - 16:17

Data de atualização:

access_time 01/06/2021 - 16:17
format_align_left 1 minuto de leitura

Quer saber como investir?

Abra AGORA sua conta no banco digital dos investidores

QUERO ABRIR MINHA CONTA

A equipe de análise da Easynvest selecionou os ativos para compor a Small Caps para junho de 2021. Na responsabilidade de Murilo Breder, a carteira vem com algumas mudanças nos preços e com as recomendações de preço-alvo para Compra.

Para junho, a equipe optou por retirara a Eneva, que dá sinais de passar a blue chip,  para a entrada da Petz.

Composição da Small Caps Easynvest:

BrasilAgro (AGRO3) peso em 15% com a recomendação de Compra até R$37,00;
Petz (PETZ3) peso em 15% com a recomendação de Compra até R$26,00%;
Ferbasa (FESA4) peso em 15% com a recomendação de Compra até R$44,00;
Irani (RANI3) peso em 15% com a recomendação de Compra até R$8,00;
Kepler Weber (KEPL3) peso em 15% com a recomendação de Compra até R$55,00;
CSU Cardsyntem (CARD3) peso em 10% com a recomendação de Compra até R$28,00;
Aura Minerals (AURA33) peso em 5% com a recomendação de Compra até R$82,00;
Copel (CPLE6) peso em 5% com a recomendação de Compra até  R$40,00; e
Sinqia (SQIA3) peso em 5% com a recomendação de Compra até R$30,00.

Retornos:

A Carteira Small Caps Easynvest acumula uma alta de 35,6% contra +10,0% do índice de Small Caps da B3 (SMLL) e apenas alta de 6,1% do Ibovespa no mesmo período. Desde o início em 01 de outubro do ano passado, a Carteira Small Caps Easynvest disparou 55,4% contra a alta de 31,6% do SMLL e alta de 32,2% do Ibovespa.

Considerações:

Com a chegada de Petz e a saída de Eneva, a carteira de Small Caps ganha ainda mais diversificação setorial. Enquanto mantemos o setor de energia representado pela Copel, ganhamos a presença do importante setor de varejo entre nossas recomendações.

Pretende diversificar a
sua carteira
de investimentos?