Usamos cookies para segurança, melhor experiência e personalização de conteúdo de acordo com a nossa Política de Privacidade.
Clique em "Configurar cookies" para gerenciar suas preferências.

X

Para "Aceitar", selecione os itens e clique no botão abaixo:

Ibovespa mantém os 99 mil pontos em dia morno

Data de criação:

access_time 09/07/2020 - 18:32

Data de atualização:

access_time 09/07/2020 - 18:32
format_align_left 2 minutos de leitura

Quer saber como investir?

Abra AGORA sua conta no banco digital dos investidores

QUERO ABRIR MINHA CONTA

O Ibovespa operou de lado nesta quinta-feira. O dia foi sem agenda, morno de notícias relevantes e com um pouco de realização de lucros. O mercado também ficou atento ao comportamento dos demais ao redor do mundo, bem como nos preços das commodities caindo.

Entre os destaques desta sessão ficaram as ações das varejistas, com a Lojas Americanas disparado em mais de 10%. As financeiras, Vale e Petrobras devolveram.

Ao final, o Ibovespa ficou em queda de 0,61% aos 99.160 pontos. O giro financeiro ficou em R$26,70 bilhões.

“A semana vai fechando com os mercados operando novamente em forte volatilidade, embora o Ibovespa tenha avançado novamente para os 100 mil pontos durante o pregão de hoje. O dólar ficou em queda, o que acabou ajudando. As varejistas ainda saborearam os números das vendas no varejo, que surpreenderam acima dos 13%. Porém, mesmo na queda de 0,61%, o Ibovespa tem espaço para cravar amanhã os 100 mil se o IPCA de junho surpreender, já que o indicador é um dos utilizados pelo BCB para definir o corte da Selic. Os preços do petróleo caíram e os do minério de ferro também, mas esse fator é relevante porque a China tem projetos ousados para o setor de infraestrutura e, para isso, já faz os estoques da commodity”, explicou o analista de investimentos da Mirae Asset, Pedro Galdi.

Operaram com ganhos
Lojas Amer. PN, alta de 10,12%; Eletrobras PNB, alta de 9,39%; Eletrobras ON, alta de 8,60%; as da ViaVarejo ON, alta de 7,21%; e as da B2WDigital ON, alta de 4,13%.

Operaram com perdas
Braskem PNA, queda de 7,02%; CCR ON, queda de 4,93%; Ecorodovias ON, queda de 3,29%; TIM Part. ON, queda de 3,54%; Fleury ON, queda de 2,17%.

Mais negociadas
Via Varejo ON, alta de 7,21%; e ItauUnibanco PN, alta de 0,04%; Bradesco PN, queda de 2,23%; Petrobras PN, queda de 2,25%; e Vale ON, queda de 1,57%.

Carteira Teórica
Na Carteira Teórica do Índice Bovespa, que passou a vigorar de 04 de maio de 2020 a 04 de setembro de 2020, estão os cinco ativos que apresentaram o maior peso na composição do índice: Vale ON (10,154%), Itauunibanco PN (7,414%), Bradesco PN (5,611%), Petrobras PN (5,610%) e B3 ON (5,405%).

Commodities

O petróleo referência Brent ficou estável aos US$42,37 o barril negociado na bolsa Mercantil de Futuros de Londres.

O petróleo WTI ficou em queda de 3,20% e com o barril negociado aos US$39,59 na bolsa Mercantil de Futuros, Nova York.

O preço do minério de ferro negociado no porto de Qingdao, China, ficou em queda de 0,17% a US$106,32 a tonelada seca.

*Por Ivonéte Dainese

Pretende diversificar a
sua carteira
de investimentos?