Usamos cookies para segurança, melhor experiência e personalização de conteúdo de acordo com a nossa Política de Privacidade.
Clique em "Configurar cookies" para gerenciar suas preferências.

X

Para "Aceitar", selecione os itens e clique no botão abaixo:

Ibovespa recupera perdas com Vale, Petrobras e acordo comercial no radar

Data de criação:

access_time 13/01/2020 - 18:45

Data de atualização:

access_time 13/01/2020 - 18:45
format_align_left 2 minutos de leitura

Quer saber como investir?

Abra AGORA sua conta no banco digital dos investidores

QUERO ABRIR MINHA CONTA

Em dia de agenda enfraquecida, os investidores do mercado acionário doméstico recuperaram as compras. O foco da semana, como nos demais, está na assinatura do acordo comercial entre a China e os Estados Unidos na “Fase 1” agendada para os próximos dias. De acordo com as autoridades dos dois países, a delegação chinesa deve chegar hoje a Washington, DC, sob o comando do vice-primeiro-ministro, Liu He.

Nesta sessão, depois de sete quedas consecutivas as ações das financeiras subiram, bem como as da Petrobras, com o anúncio de queda nos preços dos combustíveis. As ações da Vale também dispararam os preços do minério de ferro negociado na China.

Ao final, o Ibovespa ficou em alta de 1,58% aos 117.325 pontos. O volume financeiro ficou em R$ 21,90 bilhões.

Operaram com ganhos
ViaVarejo ON, alta de 8,55%; Sid. Nacional ON, alta de 6,05%; Gerdau Met. PN, alta de 5,26%; Gerdau Met. PN, alta de 5,26%; Klabin UNT, alta de 4,76%; e Magaz. Luiza ON, alta de 4,69%.

Operaram com perdas
SulAmerica UNT, queda de 2,27%; Braskem PNA, queda de 1,31%; P. Açucar – CDB PN, queda de 1,09%; CVC Brasil ON, queda de 1,05%; e Carrefour BR ON, queda de 0,89%.

Mais negociadas
Vale ON, alta de 3,64%; Brasil ON, alta de 1,12%; ItauUnibanco ED, alta de 1,33%; Petrobras PN, alta de 0,20%; e ViaVarejo ON, alta de 8,55%.

Carteira Teórica
Na Carteira Teórica do Índice Bovespa, que passou a vigorar de 06 de janeiro de 2020 a 30 de abril de 2020, estão os cinco ativos que apresentaram o maior peso na composição do índice: Itauunibanco PN (8,573%), Vale ON (8,189%), Bradesco PN (6,985%), Petrobras PN (6,617%), e B3 ON (4,312%).

Commodities

O petróleo referência Brent ficou em queda de 5,77% a US$64,25 o barril negociado na bolsa Mercantil de Futuros de Londres.

O petróleo WTI ficou em queda de 1,64% aos US$58,08 o barril na bolsa Mercantil de Futuros, Nova York.

O minério de ferro negociado no porto de Qingdao, China, ficou em alta de 2,14% aos US$95,93 a tonelada seca e com 62% de pureza.

Pretende diversificar a
sua carteira
de investimentos?