Usamos cookies para segurança, melhor experiência e personalização de conteúdo de acordo com a nossa Política de Privacidade.
Clique em "Configurar cookies" para gerenciar suas preferências.

X

Para "Aceitar", selecione os itens e clique no botão abaixo:

Ibovespa registra novo recorde e marca 122.385 pontos

Data de criação:

access_time 08/01/2021 - 11:28

Data de atualização:

access_time 08/01/2021 - 11:28
format_align_left 2 minutos de leitura

Quer saber como investir?

Abra AGORA sua conta no banco digital dos investidores

QUERO ABRIR MINHA CONTA

O Ibovespa, principal indicador de desempenho das ações negociadas na B3, bateu ontem  mais um recorde nominal ao encerrar o dia em 122.385 pontos, alta de 2,75% em relação ao pregão anterior. O recorde anterior, de 119.527 pontos, foi registrado em 23 de janeiro de 2020.

Durante 2020, com a pandemia do coronavírus, a Bolsa chegou aos 63 mil pontos em março de 2020. Mas, depois de chegar nesse patamar, registou uma recuperação gradual de 92% em nove meses.

Hoje, a Bolsa abriu em alta e chegou aos 123.660 pontos.

O que significam os “pontos” da Bolsa?

Quando se diz que a Bolsa subiu ou caiu, essa informação é sobre o o IBOVESPA, também chamado de Índice Bovespa ou IBOV. O IBOV é o principal termômetro do mercado de ações no Brasil porque é o indicador de desempenho médio das ações listadas na Bolsa de Valores.

O índice Bovespa é calculado usando uma carteira teórica de ações, composta pelos ativos que movimentaram o maior volume de negociações. A cada quatro meses, essa carteira é reavaliada e a sua composição pode mudar. Confira as mudanças mais recentes na carteira teórica do Ibovespa. 

Mas por que é feita uma carteira teórica? Por que não medir a movimentação média de todas as ações na Bolsa? Porque existem mais de 500 empresas com capital aberto na B3, mas são poucas delas, 75, as responsáveis por 80% das negociações na Bolsa. E incluir todas as ações no índice poderia levar a distorções.

Para acompanhar a carteira teórica, a Bolsa de Valores do Brasil desenvolveu um sistema de pontuação onde cada ponto equivale a R$ 1.

Isso significa que os pontos do Ibovespa são equivalentes ao valor em reais das ações que compõem essa carteira teórica. Por isso, quando se diz que a Bolsa subiu, isso quer dizer que as ações das empresas que fazem parte do índice se valorizaram. Quando a Bolsa cai, isso que dizer que as ações das empresas que fazem parte do índice se desvalorizaram.

É possível investir direto no IBOV?

Sim. É possível investir no IBOV de três formas:

  1. Acompanhando manualmente o índice e comprando (e vendendo) os papeis que compõem o índice – o que exige uma quantia de dinheiro elevada, já que é necessário comprar cada papel individualmente.
  2. Investindo em um fundo de investimento que acompanha o IBOV. Esses fundos de investimento em ações fazem a gestão e controle da carteira e seu retorno acompanha o índice.
  3. Investindo em um ETF, um fundo de investimento negociado pela Bolsa de Valores que usa como base um índice de referência. No caso da Bolsa de Valores, o ETF correspondente é o BOVA11.

(com informações da B3)

Pretende diversificar a
sua carteira
de investimentos?