Usamos cookies para segurança, melhor experiência e personalização de conteúdo de acordo com a nossa Política de Privacidade.
Clique em "Configurar cookies" para gerenciar suas preferências.

X

Para "Aceitar", selecione os itens e clique no botão abaixo:

Petrobras e Magazine Luiza estão nas recomendações da Mirae

Data de criação:

access_time 14/05/2021 - 14:50

Data de atualização:

access_time 14/05/2021 - 14:38
format_align_left 3 minutos de leitura

Quer saber como investir?

Abra AGORA sua conta no banco digital dos investidores

QUERO ABRIR MINHA CONTA

A equipe da Mirae Asset escolheu para as recomendações, nesta sexta-feira (14/05), das ações da Petrobras e Magazine Luiza. As duas gigantes apresentaram resultados financeiros na noite desta quinta-feira.

MAGAZINE LUIZA ON

A receita líquida foi de R$ 8.253 bilhões, com aumento de 58% em relação ao 1T20 e ficou acima da expectativa. Apesar dos desafios do lockdown, o volume de mercadorias / GMW aumentou 62,8%, com aumento de 3,7% nas lojas físicas e um aumento de 114,4% no comércio eletrônico. As vendas mesmas lojas (SSS) caíram 0,5%.

No período, o e-commerce representou 70% do GMV versus 53% no 1T20. Encerrou o período com 1.310 lojas, sendo 949 convencionais, 207 virtuais e 154 quiosques (parceria com as Lojas Marisa). No 1T21, a Companhia inaugurou 11 novas unidades e fechou 2 quiosques.

O Ebitda ajustado ficou de R$ 427,2 milhões, com aumento de 56% em relação ao 1T20, ficou acima da expectativa e a margem se manteve em 5,2%. O aumento foi decorrente do aumento de receita / e-commerce. Encerrou o período com lucro líquido reportado foi de R$ 258,5 milhões (incluindo reversão de provisões) e o ajustado foi de R$ 81,5 milhões, revertendo o prejuízo do 1T20. Encerrou o período com caixa líquido ajustado de R$ 440,2 milhões.

“O resultado divulgado ficou acima da expectativa, om forte aumento nas vendas pelo e-commerce. Esperamos que com a reabertura das lojas e recuperação da economia, as vendas físicas voltem a aumentar nos próximos meses e que as diversas aquisições continuem beneficiando o resultado da empresa.”

A recomendação é de COMPRA ao preço justo de R$ 28,29. Upside: +48%.

*PETROBRAS PN

Divulgou o resultado do 1T21. A receita líquida foi de R$ 86,174 bilhões, com aumento de 14% em relação ao 1T20 em Real e queda de 8% em US$ e ligeiramente abaixo do esperado. Foi impactado por volume mais baixos, como já esperado, uma vez que já tinha divulgado os volumes, mas foi beneficiada pelo aumento de preços no mercado interno e externo e pela variação cambial nas exportações.

Nas exportações foi impactada por queda de 27,4% incluindo queda de 35,4% nas exportações de petróleo bruto. No mercado interno as vendas aumentaram 1,9%.

O Ebitda ajustado foi de R$ 48,949 bilhões, acima da expectativa e com aumento de 31% em relação ao 1T20. Foi impactado por um ganho de R$ 9,7 bilhões referentes a ganhos de estoque relacionados a variação da preços e variação cambial. Em US$ o Ebitda ficou 4% acima do 1T20. No Upstrean e no Downstream ficou acima da expectativa e no Gás e Energia ficaram abaixo do esperado.

O lucro líquido foi de R$ 1,276 bilhão, abaixo do esperado, impactado por perda cambial e ainda do valor não recuperável da provisão do 1T20, mas revertendo o forte prejuízo do 1T20. A relação dívida líquida / Ebitda foi de 2,03x versus 2,15x no 1T20.

“No geral o resultado operacional foi mais forte do que o esperado, beneficiado pelo aumento de preços e impactos nos estoques principalmente. No período ocorreram, paradas para manutenção e esperamos que a produção dos trimestres seguintes aumente.”

A recomendação é de COMPRA a preço justo de R$ 29,14. Upside: +17%.

Pretende diversificar a
sua carteira
de investimentos?