Usamos cookies para segurança, melhor experiência e personalização de conteúdo de acordo com a nossa Política de Privacidade.
Clique em "Configurar cookies" para gerenciar suas preferências.

X

Para "Aceitar", selecione os itens e clique no botão abaixo:

Wall Street mantém alta com eleição e Federal Reserve

Data de criação:

access_time 05/11/2020 - 19:48

Data de atualização:

access_time 05/11/2020 - 19:48
format_align_left 3 minutos de leitura

Quer saber como investir?

Abra AGORA sua conta no banco digital dos investidores

QUERO ABRIR MINHA CONTA

Os índices de peso de Wall Street subiram em mais uma sessão. Os investidores acompanharam a complicada apuração dos votos da eleição presidencial dos Estados Unidos.

Ao final, o Dow Jones ficou em alta de 1,95% aos 28.390 pontos. O S&P ficou em alta de 1,95% aos 3.510 pontos. O Nasdaq ficou em alta de 2,59% a 11.890 pontos.

Nesta manhã, o ex-vice-presidente Joe Biden tinha 264 votos eleitorais e o presidente Donald Trump tinha 214, de acordo com a Associated Press. Biden precisava ganhar mais um dos estados pendentes, onde liderava, para vencer o pleito. Entretanto, uma mudança na apuração acabou pesando em desvantagem para Biden.

Neste momento, são 253 votos eleitorais para Joe Biden, com 72.614.686 (50,5%), e Donald Trump com 214 votos eleitorais, 68.770.637 votos (47,9%). São necessários 270 votos eleitorais para sair o vencedor.

Nas disputas para o Senado, no entanto, os Democratas estavam dando sinais de conquistar apenas uma nova cadeira, deixando uma grande probabilidade de que os Republicanos mantivessem o controle da Câmara.

Já no meio desta tarde, os investidores voltaram as atenções para o fim da reunião do Federal Reserve, que manteve as taxas de juros e o programa de compra de títulos inalterados.

Ainda nesta quinta-feira, o Departamento do Trabalho dos Estados Unidos apresentou a queda de 7 mil pedidos iniciais de auxílio-desemprego na semana passada.

De volta ao mercado, entre as ações com perdas ficaram as da Alibaba, queda 4%, depois que a gigante do comércio eletrônico chinês registrou crescimento mais lento no volume de vendas no segundo trimestre.

Entre as ações com ganhos no setor de tecnologia ficaram as da Apple, alta de 3,55%, as do Facebook, alta de 2,54%, as da Microsoft, alta de 3,19%, as da Amazon, alta de 2,49% e as da Alphabet, alta de 0,95%.

Nos Estados Unidos, os pedidos iniciais de auxílio-desemprego caíram em 7 mil ficando em 751 mil na semana passada, ou seja, abaixo dos 758 mil da semana anterior. Os dados são do Departamento do Trabalho dos Estados Unidos.

Esse resultado marca a terceira semana consecutiva em que as solicitações ficaram abaixo de 800 mil, e a média móvel de quatro semanas caiu para 787 mil.

Nos Estados Unidos, no mês de outubro, o número de demissões caiu em sete meses, com os empregadores sediados no país  anunciando planos de cortar 80.666 empregos de suas folhas de pagamento, de acordo com um relatório divulgado pela empresa global de outplacement e negócios e coaching executivo Challenger, Gray & Christmas, Inc.

Em outubro, o total é 32% menor do que os 118.804 cortes anunciados em setembro e 60% superior aos 50.275 cortes do mesmo mês do ano passado. O total de outubro é o menor desde fevereiro, quando 56.605 cortes foram anunciados.

*Tradução ID de relatórios oficiais

Pretende diversificar a
sua carteira
de investimentos?