Usamos cookies para segurança, melhor experiência e personalização de conteúdo de acordo com a nossa Política de Privacidade.
Clique em "Configurar cookies" para gerenciar suas preferências.

X

Para "Aceitar", selecione os itens e clique no botão abaixo:

Wall Street segue estável e Europa fecha no vermelho

Data de criação:

access_time 12/01/2021 - 13:58

Data de atualização:

access_time 12/01/2021 - 13:58
format_align_left 1 minuto de leitura

Quer saber como investir?

Abra AGORA sua conta no banco digital dos investidores

QUERO ABRIR MINHA CONTA

A bolsa de Nova York opera em alta nesta terça-feira (12). Os investidores estão atentos aos casos de coronavírus, vacinação e também ao ambiente político. O silêncio forçado do presidente Donald Trump nas redes sociais segue dando alívio ao mercado.

Há pouco, o Dow Jones seguia estável aos 30.992 pontos. O S&P opera estável aos 3.797 pontos. O Nasdaq subia 0,21% aos 13.062 pontos.

Na sessão anterior, as ações devolveram e os investidores embolsaram lucros dos recordes da semana passada. As ações do Twitter (TWTR) estão subindo, depois de fechar na maior baixa de um mês, com a empresa banindo a conta de Trump ante a preocupação de que o presidente pudesse incitar novos movimentos violentos como os do Capitólio, que resultaram em cinco mortes. Ações dos pares de tecnologia, incluindo Amazon (AMZN), Facebook (FB) e Apple (AAPL), também operam com ganhos.

Por outro lado, os traders estão animados com a probabilidade de estímulo adicional vindo do governo Joe Biden.

Sobre as vacinas, a estimativa dos analistas do Goldman Sachs é de que pelo menos 50% da população dos Estados Unidos receberão a primeira dose de uma vacina contra a COVID-19 em maio.

No Velho Continente, os principais índices das bolsas de ações fecharam no vermelho.

O índice pan-europeu, Stoxx Europe 600, ficou estável aos 408.69 pontos. O índice principal de bolsa de Frankfurt, DAX30, ficou estável aos 13.928 pontos. O índice CAC40, bolsa de Paris, fechou em queda de 0,20% aos 5.650 pontos.

O euro opera estável aos US$1.2161 e a libra seguia em alta de 0,85% a US$1.3622.

*Por Ivonéte Dainese

 

 

Pretende diversificar a
sua carteira
de investimentos?