Usamos cookies para segurança, melhor experiência e personalização de conteúdo de acordo com a nossa Política de Privacidade.
Clique em "Configurar cookies" para gerenciar suas preferências.

X

Para "Aceitar", selecione os itens e clique no botão abaixo:

Conteúdo por:

Biden e resultados do trimestre animam investidores

Data de criação:

access_time 29/04/2021 - 09:44

Data de atualização:

access_time 29/04/2021 - 12:44
format_align_left 3 minutos de leitura

Quer saber como investir?

Abra AGORA sua conta no banco digital dos investidores

QUERO ABRIR MINHA CONTA

Ontem, como prevíamos, a Bovespa conseguiu recuperar parte das perdas recentes e fechou o dia com alta de 1,39% e índice ultrapassando o patamar de 121 mil pontos, chegando a 121.052. O dólar terminou o dia em nova queda de 1,82%, com a moeda cotada a R$ 5,36. Os mercados nos EUA terminaram com quedas, mesmo considerando coletiva otimista de Jerome Powell presidente do FED, mantendo postura suave em relação à inflação.

Hoje, mercados da Ásia fecharam com altas. Europa operando no campo positivo (exceto Frankfurt) e até acelerando, e comportamento positivo para os índices futuros do mercado americano. Aqui, o dia pode ser positivo, com novos objetivos na casa de 123.500 pontos, para tentar buscar depois o patamar recorde de 125.300, conquistado em 08/01.

O discurso do presidente Joe Biden, no Congresso americano, foi otimista e os resultados do primeiro trimestre que vão sendo divulgados ajudam na comprovação. Ontem as ações do Facebook e Apple tiveram boas altas no pós-mercado, e essa tendência prossegue no pré-mercado de hoje.

Biden falou sobre os feitos de seu governo nesses meses, com 220 milhões de pessoas vacinas em 100 dias, 160 milhões de cheques distribuídos para a população e a economia novamente em movimento. Falou também sobre alta de impostos incidindo somente sobre os mais ricos e com ganhos superiores a US$ 1 milhão e projeto de infra preparando o futuro do país. Também anunciou auxílio para a Índia, na produção de 20 milhões de doses de vacinas, distribuição excedentes e ainda estuda retirar a maior parte das sanções contra o Irã, para retomar as negociações do acordo nuclear.

Na zona do euro, o índice de sentimento econômico subiu para 110,3 pontos, quando a previsão era de 102 pontos. Mas o BCE (BC europeu) disse que o primeiro trimestre da região deve ser mais fraco que o previsto, mas acenou com segundo semestre forte.

No mercado internacional, o petróleo WTI, negociado em NY, mostrava alta de 1,52%, com o barril cotado a US$ 64,83. O euro era transacionado em US$ 1,21 e notes americanos de 10 anos com juros em alta para 1,66%. O ouro e a prata registravam altas na Comex e commodities agrícolas com desempenho positivo na Bolsa de Chicago.

Aqui, o STF deve decidir hoje o desfecho do impasse bilionário de retirada do PIS/COFINS do cálculo do ICMS e a PGR diz que a autonomia do banco central aprovada no Congresso e sancionada pelo presidente é inconstitucional por uma filigrana. Como se vê, a frase de que no Brasil até o passado é imprevisível, nunca foi tão válida.

As estatísticas do covid-19 dão conta de cerca 398 mil óbitos, 14,5 milhões de infectados e 30,7 milhões de vacinados. Na economia, a FGV anunciou o IGP-M de abril em desaceleração para 1,51% (anterior em 2,94%), amas a maior taxa para o mês desde 1995, acumulando em 2021 inflação de 9,89% e em 12 meses de 32,02%. Já a confiança da indústria arrefeceu de 0,7 para 103,5 pontos, no menor patamar desde agosto de 2020.

A agenda do dia ainda tem capacidade de mexer com os mercados, mas a expectativa inicial é de Bovespa seguindo em alta, dólar ainda fraco (apesar da queda recente) e juros fracos. Vamos ter ainda a safra de balanços do trimestre e o PIB americano do primeiro trimestre, que vem com boa recuperação.

Bom dia e bons negócios!

Alvaro Bandeira
Economista-Chefe do banco digital modalmais

Pretende diversificar a
sua carteira
de investimentos?