Usamos cookies para segurança, melhor experiência e personalização de conteúdo de acordo com a nossa Política de Privacidade.
Clique em "Configurar cookies" para gerenciar suas preferências.

X

Para "Aceitar", selecione os itens e clique no botão abaixo:

Conteúdo por:

Dia começando positivo nos mercados abertos

Data de criação:

access_time 05/04/2021 - 09:56

Data de atualização:

access_time 05/04/2021 - 12:56
format_align_left 3 minutos de leitura

Quer saber como investir?

Abra AGORA sua conta no banco digital dos investidores

QUERO ABRIR MINHA CONTA

Na volta do feriado da Semana Santa lembramos que a Bovespa ainda conseguiu encerrar o período muito complicado na política e covid-19 com leve alta de 0,41%, aos 115.253 pontos e dólar fechando com queda de 0,86% e cotado a R$ 5,71%. No mercado americano, o Dow Jones e o Nasdaq tiveram altas mais expressivas de respectivamente 0,24% e 2,29%, muito em função da vacinação massiva e do anúncio do pacote de infraestrutura de US$ 2,3 trilhões.

Hoje vários mercados prolongam o feriado e permanecem fechados. Na Ásia, mercados encerraram com altas, Europa os principais mercados permanecem sem negociações e os futuros do mercado americano também operando com altas nesse início de manhã. Aqui, seria bom tentar superar o patamar próximo de 188 mil pontos do Ibovespa, para abrir o objetivo de retomada da faixa de 120 mil pontos.

No Japão foi anunciado o PMI de serviços de março em alta para 48,3 pontos, o maior em 14 meses, mas ainda assim abaixo de 50 pontos, o que indica contração da atividade. Já na Índia tivemos recorde de contágio novamente pelo covid-19 e lembramos que, na última sexta-feira, os EUA anunciaram o Payroll de março com a criação de 916 mil vagas na economia, bastante comemorado pelo presidente Joe Biden.

Aliás, nos EUA, o pacote de infraestrutura está sofrendo críticas tanto da direita quanto da esquerda, em função do nível de endividamento do país. No mercado internacional, o petróleo WTI negociado em NY mostrava queda de 2,16%, com o barril cotado a US$ 560,12. O euro era negociado em queda para US$ 1,174 e notes americanos com taxa de juros de 1,72%. O ouro e a prata tinham quedas na Comex e commodities agrícolas com comportamento de alta na Bolsa de Chicago.

Aqui, os investidores temem a dívida bruta de R$ 6,35 trilhões em fevereiro e a rolagem em 12 meses atingindo R$ 2,38 trilhões, algo como 37,5% do total. Os investidores têm pedido prazos mais curtos e juros cada vez mais elevados. Foi anunciado o IPC da Fipe de março com inflação de 0,71% (anterior em 0,23%) acumulando no trimestre 1,81% e em 12 meses com 6,99%.

Já com a covid-19 anotamos quase 13 milhões de infectados, 331,5 mil óbitos e 19,4 milhões de vacinados. Destacamos que a vacinação ultrapassou no final da semana 1 milhão dia.

Na agenda do dia teremos a nova pesquisa semanal Focus do Bacen e o PMI de serviços de março. Nos EUA, teremos o PMI e o ISM de serviços de março e as encomendas à indústria de fevereiro. Durante a noite, na China, saíra o PMI de serviços de março.
Expectativa para o dia é de Bovespa começando em alta (lembrando que a Vale anunciou compra de 270 milhões de ações para Tesouraria), dólar em alta e juros também.

Bom dia e bons negócios!

Pretende diversificar a
sua carteira
de investimentos?