Usamos cookies para segurança, melhor experiência e personalização de conteúdo de acordo com a nossa Política de Privacidade.
Clique em "Configurar cookies" para gerenciar suas preferências.

X

Para "Aceitar", selecione os itens e clique no botão abaixo:

Banco Central Europeu mantém a política monetária

Data de criação:

access_time 22/04/2021 - 12:41

Data de atualização:

access_time 22/04/2021 - 12:41
format_align_left 2 minutos de leitura

Quer saber como investir?

Abra AGORA sua conta no banco digital dos investidores

QUERO ABRIR MINHA CONTA

O Conselho do Banco Central Europeu – BCE decidiu reconfirmar a sua postura de política monetária muito acomodatícia ao final da reunião desta quinta-feira (22/04). As taxas de juro permanecerão inalteradas em 0,00%, 0,25% e -0,50%, respectivamente.

“O Conselho do BCE espera que as taxas de juros permaneçam nos seus níveis atuais ou inferiores até que as perspectivas de inflação convirjam de forma robusta para um nível suficientemente próximo, mas inferior, de 2% dentro do seu horizonte de projeção. Além disso, que a convergência seja refletida de forma consistente na dinâmica da inflação subjacente”, escreveu o BCE no comunicado.

O Conselho do BCE disse também que vai continuar realizando compras de ativos líquidos no âmbito do programa de emergência pandêmica -PEPP, com o volume total de € 1,850 bilhão por mês até pelo menos o final de março de 2022 e, em qualquer caso, até que julgue que a fase de crise do coronavírus esteja sob controle.

“As informações recebidas confirmaram a avaliação conjunta das condições de financiamento e as perspectivas de inflação efetuadas na reunião de março. O Conselho espera que as compras no âmbito do PEPP durante o trimestre atual continuem a ser realizadas a um ritmo significativamente mais elevado do que durante os primeiros meses do ano”, citaram.

O Conselho do BCE manterá a flexibilidade de acordo com as condições de mercado e com o objetivo de evitar um agravamento das condições de financiamento que sejam inconsistentes com a redução do impacto da pandemia na trajetória projetada da inflação. Além disso, a flexibilidade das compras ao longo do tempo entre classes de ativos e entre jurisdições continuará a apoiar a transmissão mais flexível da política monetária. “Se as condições de financiamento favoráveis ​​puderem ser mantidas com fluxos de compra de ativos que não esgotem o pacote ao longo do horizonte de compra líquida do PEPP, o volume não precisa ser usado na íntegra. Da mesma forma, o pacote poderá ser recalibrado, se necessário, para manter condições de financiamento favoráveis ​​para ajudar a conter o choque pandêmico negativo na trajetória da inflação”.

Na coletiva de imprensa, a presidente do BCE, Christine Lagarde disse: “Espero uma recuperação firme da atividade no final do ano, que as  pressões de preços subjacentes permanecem moderadas e preservar as condições de financiamento favoráveis é essencial. Porém, a perspectiva de curto prazo é nebulosa, com as taxas de Covid-19 persistentemente altas e as medidas de contenção associadas continuam a restringir a atividade no curto prazo.”

*Tradução ID do comunicado do BCE

Pretende diversificar a
sua carteira
de investimentos?