Usamos cookies para segurança, melhor experiência e personalização de conteúdo de acordo com a nossa Política de Privacidade.
Clique em "Configurar cookies" para gerenciar suas preferências.

X

Para "Aceitar", selecione os itens e clique no botão abaixo:

Exportações de ovos superam alta de 300% em abril

Data de criação:

access_time 13/05/2021 - 15:44

Data de atualização:

access_time 13/05/2021 - 15:44
format_align_left 1 minuto de leitura

Quer saber como investir?

Abra AGORA sua conta no banco digital dos investidores

QUERO ABRIR MINHA CONTA

As exportações brasileiras de ovos (considerando todos os produtos, entre in natura e processados) alcançaram 865 toneladas em abril, número 307,9% superior ao registrado no mesmo período de 2020, quando foram embarcadas 212 toneladas.

As vendas de abril geraram receita de US$ 1,1 milhão, resultado 321,8% superior ao obtido no quarto mês do ano passado, com US$ 264 mil.

No acumulado do ano (janeiro a abril) as exportações de ovos totalizaram 4,638 mil toneladas, número 162,3% superior ao efetivado no primeiro quadrimestre de 2020, com 1,768 mil toneladas.

Em receita, a alta acumulada chega a 173,1%, com US$ 6,211 milhões de saldo em 2021, contra US$ 2,269 milhões em 2020.

Principal importador do produto brasileiro, os Emirados Árabes Unidos importaram 3,461 mil toneladas nos quatro primeiros meses deste ano, número 339,1% superior ao embarcado no mesmo período do ano passado, com 788 toneladas. Outros destaques foram o Japão, com 133,6 toneladas (+18,5%) e Omã, com 270 toneladas (sem registros de embarques no ano anterior)

“A retomada das atividades nos Emirados Árabes Unidos estão impulsionando as vendas internacionais do setor de ovos, o que ajuda a minimizar o impacto da alta dos custos de produção às empresas deste segmento que hoje atuam no mercado internacional”, analisa Ricardo Santin, presidente da ABPA.

Pretende diversificar a
sua carteira
de investimentos?