Usamos cookies para segurança, melhor experiência e personalização de conteúdo de acordo com a nossa Política de Privacidade.
Clique em "Configurar cookies" para gerenciar suas preferências.

X

Para "Aceitar", selecione os itens e clique no botão abaixo:

INDICADORES: Resumo da Agenda Global para esta quarta-feira

Data de criação:

access_time 17/03/2021 - 14:16

Data de atualização:

access_time 17/03/2021 - 14:16
format_align_left 3 minutos de leitura

Quer saber como investir?

Abra AGORA sua conta no banco digital dos investidores

QUERO ABRIR MINHA CONTA

Acompanhe o resumo da agenda econômica desta quarta-feira (17/03). O destaque ficou para a taxa de inflação da Zona do Euro.

ÁSIA

No Japão, os dados do Ministério das Finanças divulgados hoje mostraram que as exportações japonesas caíram 4,7% no comparativo com janeiro. A importações subiram 4,7%.

No Japão, o Banco Central – BoJ começa a reunião de política monetária nesta quinta-feira (18).

EUROPA

Na Zona do Euro, a taxa de inflação anual da Zona do Euro foi de 0,9% em fevereiro de 2021, estável em relação a janeiro. Um ano antes, a taxa era de 1,2%. A taxa anual da inflação da União Europeia foi de 1,3% em fevereiro de 2021, ante 1,2% em janeiro. Um ano antes, a taxa era de 1,6%. Estes dados são publicados pelo Eurostat, o serviço de estatística da União Europeia. As taxas anuais mais baixas foram registadas na Grécia (-1,9%), Eslovênia (-1,1%) e Chipre (-0,9%). As taxas anuais mais elevadas foram registadas na Polónia (3,6%), Hungria (3,3%) e Romênia (2,5%).

CANADÁ

No Canadá, o Índice de Preços ao Consumidor (CPI) aumentou em um ritmo mais rápido ano a ano em fevereiro (+ 1,1%) do que em janeiro (+ 1,0%). O aumento dos preços da gasolina (+ 5,0%) apoiou o crescimento dos preços ao consumidor em fevereiro. Excluindo a gasolina, o CPI subiu 1,0% em fevereiro – ante um aumento de 1,3% em janeiro. Na comparação mensal com ajuste sazonal, o CPI subiu 0,1% em fevereiro. Os preços de bens de consumo (+ 1,0%) subiram em um ritmo mais rápido na comparação anual em fevereiro em comparação com janeiro (+ 0,1%), principalmente por causa dos preços mais altos da gasolina. Os dados são do Governo Canadense.

ESTADOS UNIDOS

Nos Estados Unidos, o Census e o Departamento de Habitação e Desenvolvimento Urbano anunciaram, em conjunto, as novas estatísticas sobre os pedidos de licenças para construir de fevereiro de 2021.

As autorizações para construção em fevereiro estavam em uma taxa anual, ajustada sazonalmente, de 1.682 milhão. Isso é 10,8% (± 1,0%) abaixo da taxa revisada de janeiro de 1.886 milhão, mas é 17% (± 1,4%) acima da taxa de fevereiro de 2020 de 1.438 milhão.

As autorizações para famílias unifamiliares em fevereiro foram de 1.143 milhão, o que é 10% (± 0,8%) abaixo do número revisado de janeiro de 1.270 milhão. Autorizações de unidades em edifícios com cinco unidades ou mais estavam em uma taxa de 495 mil em fevereiro.

Nos Estados Unidos, o Federal Reserve encerra a reunião de política monetária esta tarde.

BRASIL

No Brasil, o Monitor do PIB-FGV sinaliza, na análise da série dessazonalizada, crescimento de 0,5%, na atividade econômica em janeiro, em comparação a dezembro e de 2,4% no trimestre móvel findo em janeiro, em comparação ao findo em outubro. Na comparação interanual a economia retraiu 0,8% em janeiro e 0,3% no trimestre móvel findo em janeiro.

Dentre as três grandes atividades econômicas (agropecuária, indústria e serviços), apenas a indústria apresentou retração. Pela ótica da demanda, o consumo e a exportação também cresceram em janeiro e os investimentos e a importação retraíram devido ao expressivo crescimento que apresentaram em dezembro de 2020 em decorrência da importação de uma plataforma de exploração de petróleo com valor superior à importada em janeiro, o que afetou significativamente estes dois componentes.

No Brasil, o Banco Central encerra a reunião de política monetária depois do fechamento dos mercados.

*Tradução ID de relatórios

Pretende diversificar a
sua carteira
de investimentos?