Usamos cookies para segurança, melhor experiência e personalização de conteúdo de acordo com a nossa Política de Privacidade.
Clique em "Configurar cookies" para gerenciar suas preferências.

X

Para "Aceitar", selecione os itens e clique no botão abaixo:

Pedidos iniciais de auxílio-desemprego caíram para 473 mil nos EUA

Data de criação:

access_time 13/05/2021 - 11:21

Data de atualização:

access_time 13/05/2021 - 11:21
format_align_left 1 minuto de leitura

Quer saber como investir?

Abra AGORA sua conta no banco digital dos investidores

QUERO ABRIR MINHA CONTA

Os pedidos iniciais de auxílio-desemprego para a semana fechada em 08 de maio ficaram em 473 mil, queda de 34 mil em relação ao nível revisado da semana anterior. O resultado ficou abaixo dos 487 mil estimados. Os dados são do Departamento do Trabalho dos Estados Unidos e foram apresentados nesta quinta-feira (13/05).

O nível dessa semana é o mais baixo para reivindicações iniciais desde 14 de março de 2020, quando eram 256 mil, ou seja, antes de declarada a pandemia de coronavírus no mundo.

Já o nível da semana anterior foi revisado para cima em 9 mil, de 498 mil para 507 mil. A média móvel de quatro semanas foi 534 mil, queda em 28.250 da média revisada da semana anterior, o que foi o resultado mais baixo também desde 14 de março de 2020, quando eram 225.500.

O avanço da taxa de desemprego, com base nas solicitações e ajustado sazonalmente, foi de 2,6% para a semana encerrada em 01 de maio, queda em 0,1 ponto percentual da taxa revisada da semana anterior.

*Tradução ID com o relatório dos EUA

Pretende diversificar a
sua carteira
de investimentos?