Usamos cookies para segurança, melhor experiência e personalização de conteúdo de acordo com a nossa Política de Privacidade.
Clique em "Configurar cookies" para gerenciar suas preferências.

X

Para "Aceitar", selecione os itens e clique no botão abaixo:

Eleitos de São Paulo em novembro tomam posse na Câmara Municipal

Data de criação:

access_time 01/01/2021 - 13:05

Data de atualização:

access_time 01/01/2021 - 13:05
format_align_left 2 minutos de leitura

Quer saber como investir?

Abra AGORA sua conta no banco digital dos investidores

QUERO ABRIR MINHA CONTA

A Câmara Municipal de São Paulo adotou medidas mais restritivas para o dia da posse dos vereadores, do prefeito e do vice-prefeito. A ampliação dos protocolos de segurança também está em conformidade com o Decreto Estadual [ n° 65.415/2020], que classificou todo o Estado de São Paulo, em caráter excepcional, na fase vermelha para o período do Ano Novo.

Está proíbido o acesso de pessoas na galeria do Plenário 1° de Maio e também as restrições para a entrada ao gabinete parlamentar para um funcionário e apenas um convidado. A Câmara de SP recomenda ainda que as autoridades eleitas optem preferencialmente pelo sistema virtual.

Sessão de Posse

Nesta sexta-feira, às 15 horas, os 55 vereadores eleitos na capital paulista tomam posse na Câmara Municipal de São Paulo para a 18ª Legislatura. A cerimônia ocorrerá no Plenário 1° de Maio.

Conforme determina o Regimento Interno da Casa, a Sessão Solene será presidida pelo vereador mais idoso entre os presentes na solenidade. Neste caso, o presidente será o vereador Eduardo Suplicy (PT), de 79 anos.

Para o parlamentar que não for empossado em 1° de janeiro, o regulamento do Legislativo paulistano permite que o vereador tome posse no prazo de 15 dias, desde que o motivo seja considerado justo e aceito pela Câmara de SP.

Mesa Diretora

Na cerimônia de posse, ainda com o vereador mais idoso na presidência da Sessão Solene, os parlamentares elegem os integrantes da nova Mesa Diretora da Câmara Municipal de São Paulo, que administrará o Legislativo paulistano em 2021. Compõem o colegiado o presidente da Casa, 1° vice-presidente, 2° vice-presidente, 1° secretário, 2° secretário e o corregedor-geral.

Prefeito e vice-prefeito

Durante a Sessão Solene, o prefeito reeleito Bruno Covas (PSDB) e o vice-prefeito, Ricardo Nunes (MDB), também serão empossados na Câmara Municipal de São Paulo.

Transmissão

A Câmara Municipal de São Paulo transmite, ao vivo, a Sessão Solene com a posse dos vereadores, do prefeito, do vice, e a eleição da nova Mesa Diretora.

A cerimônia poderá ser acompanhada por meio do link Plenário 1° de Maio, no sistema de auditórios online, no canal do Legislativo paulistano no YouTube , no canal 8.3 da TV aberta digital e pelas Redes Sociais da Câmara.

Pretende diversificar a
sua carteira
de investimentos?