Usamos cookies para segurança, melhor experiência e personalização de conteúdo de acordo com a nossa Política de Privacidade.
Clique em "Configurar cookies" para gerenciar suas preferências.

X

Para "Aceitar", selecione os itens e clique no botão abaixo:

Ministro Lewandowski dá 48 horas para que a Anvisa explique a decisão sobre a CoronaVac

Data de criação:

access_time 10/11/2020 - 20:00

Data de atualização:

access_time 10/11/2020 - 20:01
format_align_left 1 minuto de leitura

Quer saber como investir?

Abra AGORA sua conta no banco digital dos investidores

QUERO ABRIR MINHA CONTA

Depois que a Anvisa reafirmou a decisão em suspender os estudos da CoronaVac, que aconteceu no meio desta tarde em Brasília, o ministro do Supremo Tribunal Federal, Ricardo Lewandowski, deu 48 horas para que a agência se manifeste a respeito dos testes.

O despacho do ministro determina que a Anvisa explique os critérios utilizados para proceder aos “estudos e experimentos concernentes à vacina referida, bem como sobre o estágio de aprovação desta e demais vacinas contra a Covid-19.”

Toda a polêmica ocorreu com a suspensão dos testes, isso na noite de ontem, depois que a Anvisa tomou conhecimento da morte de um dos voluntários. O fato ocorreu no dia 29 de outubro, mas por uma questão de falta de comunicação a Anvisa afirmou que recebeu a notificação apenas ontem.

Hoje, de acordo com a imprensa paulista, o voluntário teria cometido o suicídio. Porém, essa informação ainda não foi oficializada pela agência de saúde.

Pretende diversificar a
sua carteira
de investimentos?