Usamos cookies para segurança, melhor experiência e personalização de conteúdo de acordo com a nossa Política de Privacidade.
Clique em "Configurar cookies" para gerenciar suas preferências.

X

Para "Aceitar", selecione os itens e clique no botão abaixo:

Acordo “Fase 1 entre China e EUA puxa mercados asiáticos

Data de criação:

access_time 13/01/2020 - 09:46

Data de atualização:

access_time 13/01/2020 - 09:46
format_align_left 1 minuto de leitura

Quer saber como investir?

Abra AGORA sua conta no banco digital dos investidores

QUERO ABRIR MINHA CONTA

Os investidores asiáticos ficaram divididos nas negociações desta segunda-feira. Todas as atenções estão voltadas para o acordo comercial “Fase 1” entre os Estados Unidos e a China.

Na Ásia, ao final, o índice Hang Seng, bolsa de Hong Kong, ficou em alta de 1,11% a 28.954 e o índice Shenzhen Composite ficou em alta de 1,36% a 1.822. O índice Xangai ficou em alta de 0,75% a 3.115. O índice FTSE Straits Times, bolsa de Singapura, ficou em queda de 0,15% a 3.251. O índice S&PASX 200, bolsa de Sidney, ficou em queda de 0,37% a 6.903. O índice Kospi, Seul, ficou em alta de 1,04% a 2.229. O índice Sensex, bolsa da Índia, ficou em alta de 0,62% aos 41.859. O índice regional MSCI Asia Pacific subiu 0,20% no pregão de hoje. O Japão ficou fechado com feriado.

De acordo com as últimas informações das autoridades chinesas e norte-americanas, o acordo comercial deve ser assinado ainda essa semana. Além disso, o Wall Street Journal disse que as duas potências concordaram em manter conversas semestrais para discutir mais pontos para a fase seguinte.

Em Hong Kong, as ações da Sunny Optical subiram 2,61%, as da AAC subiram 1,58% e as do Bank of China subiram 1,52%.

Na Coreia do Sul, as ações da Hyundai Motor subiram 1,32%.

Na Austrália, as ações da BHP caíram 0,93%, e as da Oil Search perderam 1,89%.

A agenda asiática estava vazia.

Tradução ID com agências internacionais e relatórios oficiais

Pretende diversificar a
sua carteira
de investimentos?