Usamos cookies para segurança, melhor experiência e personalização de conteúdo de acordo com a nossa Política de Privacidade.
Clique em "Configurar cookies" para gerenciar suas preferências.

X

Para "Aceitar", selecione os itens e clique no botão abaixo:

ANBIMA retoma exames de certificação

Data de criação:

access_time 20/07/2020 - 19:32

Data de atualização:

access_time 20/07/2020 - 19:32
format_align_left 3 minutos de leitura

Quer saber como investir?

Abra AGORA sua conta no banco digital dos investidores

QUERO ABRIR MINHA CONTA

Os exames de certificação profissional da ANBIMA (Associação Brasileira das Entidades dos Mercados Financeiro e de Capitais) serão retomados na próxima quinta-feira, 23 de julho. As provas estavam suspensas em todo o país desde o dia 17 de março em razão da pandemia de Covid-19.

A retomada será gradual e acontecerá apenas nas cidades onde não existem restrições para funcionamento dos centros de teste nos quais as provas são aplicadas. “Nas últimas semanas houve um movimento de reabertura de grandes cidades, o que viabilizou o retorno de nossas provas”, explica Daniel Pfannemüller, gerente de Certificação e Educação Continuada. “Com base nas informações que temos sobre inscritos e interessados nos exames, avaliamos que o cenário atual nos permite atender a maior parte da demanda que está represada desde março sem causar grandes deslocamentos que coloquem em risco a saúde dos candidatos”.

Até o momento estão abertos os centros de teste em cidades das regiões Centro-Oeste, Nordeste, Sudeste e Sul.

Cronograma
O plano de retomada tem duas fases: a partir desta segunda-feira, 20 de julho, poderão agendar as provas todos os profissionais que já estavam inscritos no momento da suspensão. Esse grupo, composto por cerca de 15 mil profissionais, terá prioridade na escolha de datas e locais de exame. A fase dois começa no dia 17 de agosto, quando as inscrições serão reabertas a todos os interessados.

Segurança
O retorno dos exames de certificação está pautado em um rigoroso esquema de segurança para garantir a saúde dos candidatos e dos profissionais envolvidos na aplicação dos exames. Entre as medidas estão a obrigatoriedade do uso de máscaras durante a permanência no centro de testes, a redução da capacidade máxima das salas em 50% e a distância mínima de 1,5m entre os candidatos.

Exame online
Em paralelo, a Associação também estuda alternativas para aplicação dos exames a distância. Desde março, foram testadas diversas ferramentas online para avaliar se elas garantem a segurança necessária para que a prova seja aplicada virtualmente.

“Nossa maior preocupação é que a ferramenta ofereça controles rígidos que assegurem a identidade do candidato e que o resultado do exame é fruto apenas de seu conhecimento”, explica Pfannemüller. “Isso é importante porque as certificações habilitam profissionais a atuar em atividades estratégicas do mercado, desde comercializar um produto de investimento até comandar uma gestora”. Até o momento, não há previsão para que os exames sejam oferecidos neste formato.

As certificações da ANBIMA são obrigatórias para que profissionais do mercado financeiro trabalhem em atividades como comercialização de investimentos (CPA-10 e CPA-20), assessoramento de gerentes de conta para indicação de produtos de investimento (CEA) ou gerindo recursos de terceiros (CGA). Desde a sua criação, o programa de certificação da ANBIMA já emitiu quase 600 mil certificações.

Pretende diversificar a
sua carteira
de investimentos?