Usamos cookies para segurança, melhor experiência e personalização de conteúdo de acordo com a nossa Política de Privacidade.
Clique em "Configurar cookies" para gerenciar suas preferências.

X

Para "Aceitar", selecione os itens e clique no botão abaixo:

Bolsas asiáticas recuam forte com coronavírus

Data de criação:

access_time 30/01/2020 - 09:39

Data de atualização:

access_time 30/01/2020 - 09:39
format_align_left 4 minutos de leitura

Quer saber como investir?

Abra AGORA sua conta no banco digital dos investidores

QUERO ABRIR MINHA CONTA

Os mercados asiáticos recuaram forte nesta quinta-feira. Os investidores estão mantendo as atenções no avanço do coronavírus. Enquanto isso, como nos demais mercados, a decisão do Federal Reserve sobre as taxas de juros dos Estados Unidos também ficou entre os destaques.

Na Ásia, o índice Hang Seng, bolsa de Hong Kong, ficou em queda de 2,62% a 26.449; o índice FTSE Straits Times, bolsa de Singapura, ficou em queda de 0,37% a 3.170. O índice Nikkei 225, bolsa de Tóquio, ficou em queda de 1,72% aos 22.977. O índice S&PASX 200, bolsa de Sidney, ficou em queda de 0,33% a 7.008. O índice Kospi, Seul, ficou em queda de 1,71% a 2.148. O índice Sensex, bolsa da Índia, ficou em queda de 0,69% aos 40.913. O índice Taiex, bolsa de Taiwan, ficou em queda de 5,75% aos 11.421.

Ontem, no meio da tarde, o presidente do Federal Reserve, Jerome Powell, disse que a economia dos Estados Unidos está em boa forma, ao anunciar que o banco central manteve inalterada uma taxa de juros fundamental que influencia os custos dos empréstimos. Powell disse também que o Fed está monitorando de perto a gravidade do coronavírus e o potencial da doença para perturbar a economia global.

Hoje, as autoridades chinesas disseram que mais de 7.700 pessoas foram vítimas do vírus, com pelo menos 170 mortos. Autoridades da Organização Mundial da Saúde expressaram “grande preocupação” com a propagação do vírus fora da China. Um painel da ONU deve se reunir hoje para avaliar se o surto deve ser declarado uma emergência global, informou a Associated Press.

A que mais acentuada nesta quinta-feira ficou para o índice Taiex, bolsa de Taiwan, em queda de 5,75%. O resultado se deu com a queda do fabricante da Apple, Hon Hai Precision Industry, mais conhecido como Foxconn, queda de 9,26%. A empresa afirmou ter um plano para “continuar cumprindo todas as obrigações globais de fabricação”, na sequência do coronavírus.

A Apple quer aumentar sua produção de iPhones no primeiro semestre em 10%, mas foi avisado por alguns fornecedores que o surto de vírus pode complicar esses planos.

Em Tóquio, as ações da Cyber Agent Inc., subiram 0,52%, as da Subaru Corp., alta de 0,47%, as da Suzuki Motor Corp., alta de 0,49%, e a Yamato Holdings Co., alta de 0,52%. Na contramão ficaram as Screen Holdings Co., queda de 19,26%, as da Advantest Corp., queda de 6,44%, e as da Hitachi Construction Machinery Co., queda de 5,53%.

Em Hong Kong, as ações do Bank of Communications Co., queda de 0,99%, as da China Shenhua Energy Co., queda de 0,99%, e as da CLP Holdings, queda de 1,22%. As quedas mais acentuadas ficaram com as empresas de tecnologia, as farmacêuticas e as petroleiras.

As ações da AAC Tecnologies Holdings Inc. recuaram 7,51%, as da Suuny Optical Tecnology Group Co. recuaram 7,44% e as da China Mobile perderam 4,44%.

Na Austrália, o Índice de preços de importação aumentou 0,7% neste trimestre e 1,4% no ano. Os principais contribuintes positivos são: petróleo, derivados de petróleo e materiais relacionados (+ 3,8%); máquinas especializadas para indústrias específicas (+ 1,6%); e veículos rodoviários (incluindo veículos com almofada de ar) (+ 0,4%).

Quedas compensatórias ocorreram em: fertilizantes (excluindo petróleo) (-6,5%); e plásticos em formas não primárias (-5,5%).

O Índice de preços de exportação caiu 5,2% neste trimestre, mas aumentou 4,1% no ano. Os principais contribuintes para a queda são: minérios metalíferos e sucata de metal (-9,1%), carvão, coque e briquetes (–14,7%), gás natural e manufaturado (-2,3%).

Ocorreram aumentos compensatórios em: carne e preparados de carne (+ 6,9%). Os dados são do Governo da Austrália.

Tradução ID de agências e relatórios internacionais

Pretende diversificar a
sua carteira
de investimentos?