Usamos cookies para segurança, melhor experiência e personalização de conteúdo de acordo com a nossa Política de Privacidade.
Clique em "Configurar cookies" para gerenciar suas preferências.

X

Para "Aceitar", selecione os itens e clique no botão abaixo:

Bolsas da Ásia subiram com EUA e China endurece com Covid-19

Data de criação:

access_time 21/01/2021 - 10:01

Data de atualização:

access_time 21/01/2021 - 10:01
format_align_left 3 minutos de leitura

Quer saber como investir?

Abra AGORA sua conta no banco digital dos investidores

QUERO ABRIR MINHA CONTA

As bolsas da Ásia fecharam com ganhos nesta quinta-feira (21), com o otimismo tomando conta dos investidores pela chegada do presidente dos Estados Unidos Joe Biden. As análises prosseguiram com as primeiras iniciativas de Biden e também com a expectativa de mais gastos fiscais. Porém, a China volta a endurecer com mais quarentenas para os viajantes.

Ao final, o índice Hang Seng, bolsa de Hong Kong, fechou em queda de 0,12% aos 29.927 pontos. O índice Xangai, China, ficou em alta de 1,07% aos 3.621. O índice Shenzhen Composite ficou em alta de 1,53% a 2.449 e o ChiNext (ETF) ficou em alta de 2,39%. O índice Nikkei 225, bolsa de Tóquio, ficou em alta de 0,82% aos 28.756. O índice FTSE Straits Times, bolsa de Singapura, ficou em alta de 0,61% aos 3.017. O índice Sensex, bolsa da Índia, ficou em queda de 0,34% aos 49.624. O índice XJO, bolsa de Sidney, ficou em alta de 0,79% aos 6.823. O índice Kospi, Seul, ficou em alta de 1,49% a 3.160 pontos. O índice Taiex, bolsa de Seul, ficou em queda de 2,20% aos 16.153 pontos. O índice regional MSCI Asia Pacific subiu 0,8%.

A reunião do Banco do Japão não mostrou nenhuma novidade, com o nível de estímulo monetário sendo mantido.

Na China, o governo anunciou que deve exigir testes de Covid-19 para as pessoas que estão retornando de viagem depois do feriado do Ano Novo Lunar chinês.

Pequim vai estender o período de observação de saúde para 28 dias para viajantes. O novo modelo “14+7+7” compreende a quarentena médica centralizada de 14 dias, uma semana de isolamento domiciliar ou quarentena centralizada e mais uma semana de monitoramento da saúde.

Indivíduos vindos de cidades dentro da China terão que esperar 21 dias antes de entrar na capital chinesa, e o monitoramento de saúde de sete dias é necessário depois de sua entrada.

Para aqueles com um período de entrada inferior a 21 dias, mas que já estão em Pequim, o isolamento “7+7” e o monitoramento de saúde devem ser concluídos na cidade, disseram as autoridades locais para a Agência Estatal Xinhua.

Mesmo com a medidas restritivas, a província de Heilongjiang registrou seu maior aumento diário em novos casos.

No Japão, a balança comercial para dezembro ficou em ¥ 751 bilhões (est. ¥ 930,5 bilhões, anterior ¥ 366,1 bilhões). O indicador ajustado ficou em ¥ 477,1 bilhões (est. ¥ 719,2 bilhões, prevR ¥ 549,5 bilhões).

As exportações do Japão (ano/ano ) em dezembro ficou em alta de 2% (est 2,4%, previsão era de -4,2%). As importações do Japão (ano/ano) em dezembro ficaram em -11,6% (est -13,9%, anterior -11,1%). Os dados são do Governo Japonês.

Na Austrália, o emprego, ajustado sazonalmente, subiu em 50 mil pessoas entre novembro e dezembro de 2020, de acordo com o Australian Bureau of Statistics (ABS). O número de pessoas ocupadas na Austrália caiu 88 mil em dezembro em comparação com março, mas foi 784 mil maior do que em maio.

*Tradução ID com casas de análises e relatórios

Pretende diversificar a
sua carteira
de investimentos?