Usamos cookies para segurança, melhor experiência e personalização de conteúdo de acordo com a nossa Política de Privacidade.
Clique em "Configurar cookies" para gerenciar suas preferências.

X

Para "Aceitar", selecione os itens e clique no botão abaixo:

Bolsas da Europa fecham com cautela esperando o Fed

Data de criação:

access_time 27/04/2021 - 14:18

Data de atualização:

access_time 27/04/2021 - 14:18
format_align_left 2 minutos de leitura

Quer saber como investir?

Abra AGORA sua conta no banco digital dos investidores

QUERO ABRIR MINHA CONTA

Os índices principais das bolsas europeias fecharam sem direção única nesta terça-feira (27/04). Os investidores focaram nos resultados financeiros das empresas da região, bem como nos números para baixo dos casos de Covid-19. Entretanto, a grande expectativa segue para o final da reunião do Federal Reserve.

Índices: o índice Stoxx Europe 600 fechou estável aos 439.85 em Londres; o FTSE-100 (Londres) ficou em queda de 0,26% aos 6.944; o DAX 30 (Frankfurt) ficou em queda de 0,31% aos 15.249; o CAC 40 (Paris) ficou estável aos 6.273; o FTSE-MIB (Milão) ficou em queda de 0,17% aos 24.473; o Ibex 35 (Madri) ficou em alta de 0,63% aos 8.756; e o PSI-20 (Lisboa) ficou em queda de 0,16% a 5.012.

Em Londres, o pan-europeu ficou estável, com os investidores mantendo a cautela esperando para o final da reunião do Federal Reserve, embora com a posição precificada de que a atual política monetária será mantida.

Na Alemanha, as informações de que a chanceler Angela Merkel pretende abrir as vacinas contra a Covid-19 para todos os adultos até junho não conseguiram animar o mercado. “Isso aponta para o fato de que o programa de vacinação está crescendo rapidamente na Europa, depois de um início lento. Espera-se que o ritmo da implementação acelere no segundo trimestre, com o aumento das entregas de vacinas”, pontuou a analista de mercado no Reino Unido e EMEA da OANDA, Sophie Griffiths.

Do lado corporativo, as ações da gigante do petróleo BP subiram 0,4% depois que seu lucro do primeiro trimestre disparou e com a companhia planejando recompras de ações.

No Reino Unido, em 2021 até abril, as vendas no varejo estão avançando no ritmo mais rápido desde setembro de 2018, alta de 20% ante a queda de 45%. O crescimento das vendas deve desacelerar no próximo mês (+ 10%), segundo as projeções da Confederação Britânica da Indústria.

Entre os ganhos na bolsa de Madri ficaram as ações do Banco Santander, alta de 5,01%, as do CaixaBank, alta de 2,32%, as do Banco Bilbao Vizcaya Argentaria, alta de 1,48%, e as da Siemens Gamesa, alta de 2,82%. Na contramão ficaram as ações da Mapfre, queda de 1,10%, as da ArcelorMittal, queda de 1,01%, as da Repsol, queda de 0,97%, e as da Iberdrola, queda de 0,87%.

*Tradução ID de relatórios internacionais

Pretende diversificar a
sua carteira
de investimentos?