Usamos cookies para segurança, melhor experiência e personalização de conteúdo de acordo com a nossa Política de Privacidade.
Clique em "Configurar cookies" para gerenciar suas preferências.

X

Para "Aceitar", selecione os itens e clique no botão abaixo:

Bolsas da Europa recuperam as perdas com sinais de acordo Brexit

Data de criação:

access_time 22/12/2020 - 16:46

Data de atualização:

access_time 22/12/2020 - 16:46
format_align_left 2 minutos de leitura

Quer saber como investir?

Abra AGORA sua conta no banco digital dos investidores

QUERO ABRIR MINHA CONTA

As bolsas da Europa fecharam com ganhos nesta terça-feira (22). Os investidores voltaram para as compras com as informações mais tranquilizadoras sobre a nova cepa do coronavírus que surgiu no Reino Unido. Ainda por lá, as discussões sobre o Brexit prosseguem com sinais de que haverá um acordo com o bloco.

Ao final, o índice Stoxx Europe 600 fechou em alta de 1,18% aos 391.25 pontos em Londres; o FTSE-100 (Londres) ficou em alta de 0,57% aos 6.453 pontos; o DAX 30 (Frankfurt) ficou em alta de 1,30% aos 13.418 pontos; o CAC 40 (Paris) ficou em alta de 1,36% aos 5.466 pontos; o FTSE-MIB (Milão) ficou em alta de 2,03% aos 21.844 pontos; o Ibex 35 (Madri) ficou em alta de 1,85% aos 7.934 pontos; e o PSI-20 (Lisboa) ficou em alta de 1,45% a 4.726 pontos.

Nesta terça-feira, o índice pan-europeu recuperou as perdas com as informações da disposição da União Europeia e do Reino Unido em fechar o acordo de saída, Brexit, de maneira tranquila.

O lado mais positivo ficou com os indicadores econômicos, depois que o Produto Interno Bruto – PIB do Reino Unido mostrou recuperação mais forte do que as estimativas no terceiro trimestre.

Hoje, as autoridades de saúde verificaram que o novo vírus é mais fraco que o anterior. Apesar de maior facilidade para infecções, a nova cepa não produz os mesmos efeitos colaterais agressivos e nem óbitos. Com isso, depois do fechamento de vários países para viajantes vindos da Grã-Bretanha, a União Europeia voltou a permitir as reaberturas.

Por fim, o pacote fiscal aprovado no Congresso dos Estados Unidos de US$900 bilhões também ficou no radar do investidor europeu.

Entre as ações com ganhos no índice IBEX-35, bolsa da Espanha, ficaram as da International Consolidated Airlines Group, alta de 5,97%, as da Siemens Gamesa, alta de 4,42%, as do Santander, alta de 3,26%, as da Indra Sistemas, alta de 3,07%, e as do Banco Sabadell, alta de 2,28%.

No Reino Unido, estima-se que o produto interno bruto (PIB) tenha aumentado ao recorde de 16,0% no terceiro trimestre (julho a setembro) de 2020, revisado a partir da primeira estimativa de crescimento de 15,5%.

Na Alemanha, o sentimento do consumidor em novembro foi amortecido pelo bloqueio parcial. Como já ocorrera no mês anterior, tanto as expectativas econômicas quanto a de renda e a propensão a comprar diminuíram. Como resultado, a GfK previu um valor de -6,7 para dezembro de 2020, 3,5 pontos abaixo de outubro deste ano (revisado para -3,2 pontos).

*Tradução ID com agência Reuters

Pretende diversificar a
sua carteira
de investimentos?