Usamos cookies para segurança, melhor experiência e personalização de conteúdo de acordo com a nossa Política de Privacidade.
Clique em "Configurar cookies" para gerenciar suas preferências.

X

Para "Aceitar", selecione os itens e clique no botão abaixo:

Bolsas da Europa renovam ganhos com atenção para os EUA

Data de criação:

access_time 08/02/2021 - 16:04

Data de atualização:

access_time 08/02/2021 - 16:04
format_align_left 2 minutos de leitura

Quer saber como investir?

Abra AGORA sua conta no banco digital dos investidores

QUERO ABRIR MINHA CONTA

Os principais índices das bolsas da Europa renovaram os ganhos nesta segunda-feira (08). A expectativa dos investidores estava elevada para a aprovação do pacote fiscal dos Estados Unidos, aquele em US$1,9 trilhão. Além disso, a provável recuperação mais rápida da economia, com os casos de coronavírus marcado zero de contaminação na China depois de dois meses, também amparou o movimento de hoje.

Ao final, o índice Stoxx Europe 600 fechou em alta de 0,30% aos 410.78 pontos em Londres; o FTSE-100 (Londres) ficou em alta de 0,53 aos 6.523 pontos; o DAX 30 (Frankfurt) ficou estável aos 14.056 pontos; o CAC 40 (Paris) ficou em alta de 0,47% aos 5.686 pontos; o FTSE-MIB (Milão) ficou em alta de 1,48% aos 23.425 pontos; o Ibex 35 (Madri) ficou estável aos 8.219 pontos; e o PSI-20 (Lisboa) ficou em alta de 0,27% a 4.854 pontos.

Na região, o índice Stoxx Europeu sustentou a alta com o sentimento mais positivo para a recuperação global ante a pandemia de coronavírus.

Na bolsa de Frankfurt, apesar do índice principal fechar estável, as ações da Dialog Semiconductor subiram 16% para seu maior nível. A valorização se deu com a fabricante de chips japonesa Renesas Electronics Corp acertar a compra da designer de chips listado na bolsa alemã por € 4,9 bilhões (US $ 5,89 bilhões).

Ainda ganha força na região, a decisão do presidente da Itália Sergio Mattarella em convidar o ex- presidente do Banco Central Europeu, Mario Draghi, para ocupar o posto de primeiro-ministro. Os agentes de mercado apostam na recuperação da economia italiana pelas mãos de Draghi.

Entre as ações com ganhos na bolsa de Frankfurt ficaram as da Infineon Technologies, alta de 3,84%, as do Deutsche Bank, alta de 1,93%, e as da Volkswagen, alta de 0,95%. Na contramão estavam as ações da RWE, queda em 3,53%, as da Vonovia, queda de 1,01%, e as da Daimler, queda de 0,88%.

Na Alemanha, a produção industrial estagnou em 0 [zero] pela primeira vez em oito meses em dezembro, acrescentando sinais de que a economia está sendo enfraquecida pela segunda onda da pandemia do coronavírus. Os ganhos na manufatura foram compensados por uma construção mais fraca. Os economistas esperavam um ganho de 0,1%, depois da alta de 1,5% em novembro.

Na Europa, o índice econômico geral Sentix para a região caiu 1,5 pontos em fevereiro, para um nível de queda em 0,2 pontos. Para a Eurolândia, a avaliação da situação atual cai 1,0 ponto, enquanto as expectativas eram de 2,0 pontos. Uma tendência semelhante pode ser observada na avaliação da economia alemã.

*Por Ivonéte Dainese com relatórios e agências internacionais

Pretende diversificar a
sua carteira
de investimentos?