Usamos cookies para segurança, melhor experiência e personalização de conteúdo de acordo com a nossa Política de Privacidade.
Clique em "Configurar cookies" para gerenciar suas preferências.

X

Para "Aceitar", selecione os itens e clique no botão abaixo:

Bolsas da Europa renovam ganhos com indicadores e EUA

Data de criação:

access_time 26/03/2021 - 15:14

Data de atualização:

access_time 26/03/2021 - 15:14
format_align_left 3 minutos de leitura

Quer saber como investir?

Abra AGORA sua conta no banco digital dos investidores

QUERO ABRIR MINHA CONTA

Os índices acionários da Europa fecharam as negociações da semana com ganhos nesta sexta-feira (26/03). Os investidores deixaram, pelo hoje, as preocupações com a terceira onda de infecções por coronavírus.

Ao final, o índice Stoxx Europe 600 fechou em alta de 0,91% aos 426.93 pontos em Londres; o FTSE-100 (Londres) ficou em alta de 0,99% aos 6.640 pontos; o DAX 30 (Frankfurt) ficou em alta de 0,87% aos 14.748 pontos; o CAC 40 (Paris) ficou em alta de 0,61% aos 5.988 pontos; o FTSE-MIB (Milão) ficou e ata de 0,72% aos 24.393 pontos; o Ibex 35 (Madri) ficou em alta de 1,05% aos 8.498 pontos; e o PSI-20 (Lisboa) ficou em alta de 1,53% a 4.836 pontos.

O índice pan-europeu fechou em alta e marcou um ganho semanal de 2,7%. As ações das mineradoras e das petroleiras foram as responsáveis pelos ganhos.

Os dados econômicos apresentados ao longo da semana, os novos bloqueios, o ritmo lento de vacinação na Zona do Euro e a produção de vacinas, com o setor farmacêutico encontrando dificuldade para atender à crescente demanda, mexeram com o humor do investidor.

O lado positivo ficou mesmo com os Estados Unidos, depois que o presidente Joe Biden anunciou nova etapa de imunização dos americanos contra a Covid-19, entre outros assuntos, na primeira coletiva de imprensa realizada ontem na Casa Branca, Washington, DC..

Entre as ações com ganhos ficaram as da empresa de navegação Moller Maersk, alta de 6%, na recuperação das perdas depois que o navio de uma empresa japonesa encalhou no Canal de Suez, Egito, promovendo engarrafamento no mais importante principal corredor para o tráfego internacional.

Entre as ações com ganhos na bolsa da Espanha estavam as dos bancos. As ações do CaixaBank subiram 2,47%, as do Bilbao Vizcaya Argentaria ganharam 1,77%, as do Bankia ficaram em alta de 2,65%. Na mesma linha ficaram as ações da ArcelorMital, alta de 8,41%, as da Repsol, ganhos de 2,66%, e as da Siemens, alta de 4,72%.

No Reino Unido, as vendas no varejo subiram em fevereiro de 2021 para 2,1% em comparação com a queda de 8,2% observada no mês anterior, e as vendas ainda caíram 3,7% em relação ao ano anterior, antes do impacto do coronavírus (COVID-19) pandemia. Os dados são do Governo Britânico.

Na Espanha, o Produto Interno Bruto – PIB referente ao quarto trimestre ficou estável, depois de cair 8,9% em 2020. Os dados foram apresentados pelo Governo Espanhol.

Na Alemanha, o índice de Clima de Negócios iFo passou de 92,7 pontos em fevereiro (com ajuste sazonal) para 96,6 pontos em março. Este é o valor mais alto desde junho de 2019. As empresas estão claramente mais satisfeitas com sua situação atual de negócios. O otimismo em relação aos próximos meses também voltou. Apesar do aumento da taxa de infecções, a economia alemã está entrando na primavera com confiança.

*Por Ivonéte Dainese com agências internacionais e relatórios

Pretende diversificar a
sua carteira
de investimentos?