Usamos cookies para segurança, melhor experiência e personalização de conteúdo de acordo com a nossa Política de Privacidade.
Clique em "Configurar cookies" para gerenciar suas preferências.

X

Para "Aceitar", selecione os itens e clique no botão abaixo:

Bolsas da Europa subiram com efeitos ainda da ata do Fed

Data de criação:

access_time 08/04/2021 - 14:58

Data de atualização:

access_time 08/04/2021 - 14:58
format_align_left 2 minutos de leitura

Quer saber como investir?

Abra AGORA sua conta no banco digital dos investidores

QUERO ABRIR MINHA CONTA

As bolsas de ações da Europa subiram nesta quinta-feira (08/04), com os investidores analisando a divulgação da ata do Federal Reserve. O documento do banco central dos Estados Unidos foi apresentado no final da tarde, ou seja, já com os mercados europeus fechados.

Índices: o índice Stoxx Europe 600 fechou em alta de 0,58% aos 436.86 em Londres; o FTSE-100 (Londres) ficou em alta de 0,83% aos 6.942; o DAX 30 (Frankfurt) ficou em alta de 0,17% aos 15.202; o CAC 40 (Paris) ficou em alta de 0,57% aos 6.165; o FTSE-MIB (Milão) ficou em queda de 0,66% aos 24.576; o Ibex 35 (Madri) ficou em alta de 0,47% aos 8.637; e o PSI-20 (Lisboa) ficou em alta de 0,09% a 5.029.

O índice Stoxx Europe fechou em alta com as ações de montadoras, mineradoras e empresas de varejo.

Ontem, depois da divulgação da ata do Fed,  os investidores estavam cautelosos e diversificando as leituras sobre a decisão do Comitê de Mercado Aberto, Fomc, na sigla em inglês, sobre como seriam as próximas iniciativas quanto à política monetária. Entretanto, o presidente do Federal Reserve, Jerome Powell, considerou que nada deverá mudar até que as propostas anteriores sejam conquistadas, ou seja, com uma inflação acima de 2% e também com o pleno emprego.

Ao final da reunião do mês passado, o presidente do Fed reafirmou o compromisso de manter as taxas entre 0% e 0,25% até o final de 2022 e início de 2023. “O Fed não tinha pressa em apertar sua política monetária”, renovou a declaração ontem.

Sobre pandemia, as autoridades de saúde anunciaram restrições ao uso da vacina contra a Covid-19 da AstraZeneca em pessoas mais jovens, depois de encontrados coágulos sanguíneos muito raros. Os mais idosos poderão seguir tomando as doses.

Para hoje, a concentração ficou na ata do Banco Central Europeu e também nos poucos dados da agenda econômica.

Entre as ações com ganhos na bolsa de Madri estavam as da Iberdrola, alta de 2,58%, as da Acciona, alta de 1,88%, as da Siemens, alta de 2,62%, e as da Aena, ata de 1,23%. Na contramão ficaram as ações da Repsol, queda de 2,58%, as do CaixaBank, queda de 1,45%, as do Banco de Sabadell, queda de 1,41%, e as do Santander, queda de 0,95%.

Com agências internacionais

Pretende diversificar a
sua carteira
de investimentos?