Usamos cookies para segurança, melhor experiência e personalização de conteúdo de acordo com a nossa Política de Privacidade.
Clique em "Configurar cookies" para gerenciar suas preferências.

X

Para "Aceitar", selecione os itens e clique no botão abaixo:

Expectativa para reabertura das economias puxa mercado asiático

Data de criação:

access_time 06/05/2020 - 10:10

Data de atualização:

access_time 06/05/2020 - 10:10
format_align_left 2 minutos de leitura

Quer saber como investir?

Abra AGORA sua conta no banco digital dos investidores

QUERO ABRIR MINHA CONTA

As bolsas da Ásia renovaram os ganhos nesta quarta-feira, com a esperança de que a pandemia está dando uma trégua e com algumas regiões do mundo sendo reabertas. A busca agora fica para a recuperação global.

Ao final, o índice Hang Seng da bolsa de Hong Kong ficou em alta de 1,13% a 24.137. O índice Shenzhen Composite ficou em alta de 1,53% a 1.790. O índice Xangai ficou em alta de 0,63% a 2.878.  O índice FTSE Straits Times, bolsa de Singapura, ficou em alta de 0,75% a 2.591. O índice S&PASX 200, bolsa de Sidney, ficou em queda de 0,42% a 5.384.  O índice Kospi, Seul, ficou em alta de 1,76% a 1.928. O índice Sensex, bolsa da Índia, ficou em alta de 0,74% os 31.685. O índice Taiex, bolsa de Taiwan, ficou estável aos 10.774. A bolsa de Tóquio não operou com o país em feriado.

Os investidores ficaram mais otimistas com alguns países da Europa e regiões dos Estados Unidos reabrindo os pequenos negócios. Porém, a precaução segue no mundo com infecções por coronavírus ainda aumentando em áreas como o Brasil, que já demonstra recuperação econômica um pouco distante.

Ontem, o presidente Donald Trump, que é candidatando à reeleição em meio a uma crise que deixou mais de 20 milhões de americanos desempregados, disse que quer os Estados Unidos retornem. Entretanto, Trump reconheceu que algumas pessoas serão “gravemente afetadas”.

A China, onde a pandemia começou em dezembro, permitiu que as fábricas e algumas outras empresas reabrissem. França, Espanha e outros governos europeus estão tomando medidas semelhantes.

O Banco do Povo da China – PBoC estabeleceu a taxa de paridade cambial em 7,0690 yuans por dólar, 0,17% mais fraca que a taxa de 7,0571 yuans por dólar de quinta-feira, último dia antes dos feriados.

Na Austrália, a estimativa ajustada sazonalmente das vendas no varejo aumentou 8,5% em março de 2020, isso segue um aumento de 0,6% em fevereiro e uma queda de 0,4% em Janeiro de 2020. Os seguintes setores cresceram em termos dessazonalizados em março de 2020: varejo de alimentos (24,1%), outro varejo (16,6%) e varejo de bens de consumo (9,1%). Cafés, restaurantes e serviços de comida para viagem (-22,9%), varejo de roupas, calçados e acessórios pessoais (-22,6%) e lojas de departamento (-8,9%) caíram em termos dessazonalizados em março de 2020. Os dados são do Governo da Austrália.

Tradução ID de relatórios oficiais e com agências internacionais

Pretende diversificar a
sua carteira
de investimentos?