Usamos cookies para segurança, melhor experiência e personalização de conteúdo de acordo com a nossa Política de Privacidade.
Clique em "Configurar cookies" para gerenciar suas preferências.

X

Para "Aceitar", selecione os itens e clique no botão abaixo:

Guide faz trocas na Carteira Semanal e inclui a Vale

Data de criação:

access_time 19/10/2020 - 20:37

Data de atualização:

access_time 19/10/2020 - 20:37
format_align_left 5 minutos de leitura

Quer saber como investir?

Abra AGORA sua conta no banco digital dos investidores

QUERO ABRIR MINHA CONTA

Os analistas da Guide Investimentos destacaram na Carteira Semanal os desempenhos da Cosan, Movida e Vale.

Composição da Carteira para a semana de 16 a 23 de outubro

B2W Digital (BTOW3) com peso de 20%;

Cosan (CSNA3) com peso de 20%;

Lojas Quero-Quero (LJQQ3) com peso de 20%;

Movida (MOVI3) com peso em 20%; e

Vale (VALE3) com peso em 20%.

*Saíram a CSN (CSNA3), Locaweb ON (LWSA3) e Natura ON. Entraram Cosan ON (CSAN3), Movida ON (MOVI3) e Vale ON (VALE3).

Performance

“A Carteira Semanal encerrou a última semana em alta, muito acima do seu índice de referência (Ibovespa). As bolsas globais tiveram desempenhos mistos, com o noticiário norte-americano relacionado ao pacote de estímulos fiscais fazendo bastante preço. O Ibovespa obteve performance volátil com o cenário externo pesando e noticiário político mais tranquilo. No âmbito doméstico, a disputa entre os poderes executivo, legislativo e judiciário seguiu também mais calma. Dessa forma, acreditamos que a confiança do investidor segue demonstrando sinais de recuperação, porém, as incertezas nas frentes política, econômica e sanitária devem continuar fazendo preço.”

A Carteira Semanal de 13 a 16 de outubro ficou com rentabilidade em 2,56%, o Ibovespa ficou em -0,20%, com diferença em 2,7%. O dólar subiu 1,11% e o CDI ficou estável.

Na Carteira, CSN foi a ação que mais se valorizou na semana, enquanto B2W foi a que mais desvalorizou.

Trocas:

” Acreditamos ser o momento ideal para realizarmos os lucros em nossas posições de CSN, Locaweb e Natura. Nesse sentido, escolhemos dar entrada em Cosan, por acreditarmos que os patamares de preços atuais seguem atrativos; Movida por vermos um fluxo favorável para a empresa no curto prazo, com fundamentos fortes no longo; e Vale, tendo em vista o cenário interessante pro minério de ferro e perspectivas positivas para a divulgação da prévia operacional da companhia. Seguimos avaliando que a volatilidade deverá se manter elevada nos próximos dias, com eleições dos Estados Unidos fazendo cada vez mais preço.”

Justificativas

B2W ON (BTOW3)

“A empresa está tendo um forte destaque durante o período de isolamento, devido ao seu marketplace desenvolvido, que permite a seus clientes, tanto aos sellers quanto aos consumidores, maior número de funcionalidades e com isso facilidades. O tal marketplace atingiu o nível recorde de 69,8 mil sellers e também o patamar de 19,3 MM de clientes ativos no 2T20. A base de clientes ativos foi impulsionada pela adição de 5,1 MM de novos clientes, nos últimos 12 meses.”

Cosan ON (CSAN3)

“Gostamos do perfil diversificado e integrado da Cosan, assim como a eficiência na alocação da capital do grupo.

No ramo de açúcar & alcool, o cenário continua volátil no curto prazo, acompanhando principalmente a crise vivida pela setor de petróleo. Para o açúcar, o dólar elevado deve melhorar a rentabilidade do produto e trazer um mix mais açucareiro para a safra 20/21.

Para o ramo de distribuição de combustíveis, no curto prazo esperamos retração dos volumes, em função das medidas de isolamento social, mas uma rápida recuperação já no 2S20. Somando-se a isso, a JV entre Raízen e Oxxo já iniciou suas operações e trará mais eficiência para suas lojas de ruas ao longo do ano. Ainda, a empresa poderá entrar no negócio de refino de petróleo, abrindo a oportunidade de integrar toda operação.

Por fim, destacamos a possibilidade de crescimento inorgânico em todas as divisões através de fusões e aquisições.”

Lojas Quero-Quero ON (LJQQ3)

“Com atuação direcionada para pequenas e médias cidades, as Lojas Quero-Quero são a maior varejista especializada em materiais de construção do Brasil em número de lojas, além de serem a segunda maior em área de vendas, e atuam também com eletrodomésticos e móveis. Possuem 362 lojas em operação, das quais 286 estão em cidades localizadas na região Sul do Brasil.

Acreditamos que a retomada tanto do setor de varejo físico, como o de construção civil devem promover um aumento da demanda pelos produtos e serviços oferecidos pela companhia.”

Movida ON (MOVI3)

A empresa se destaca por ser a terceira maior companhia de locação de veículos no Brasil em tamanho de frota dentre as companhias abertas do setor, além de ser a segunda maior no segmento RAC (“Rent a Car”). Em 2013 foi comprada pelo grupo JSL, grupo com o mais amplo portfólio de serviços logísticos do país. Com a reestruturação da cia feita pelo grupo JSL, em dezembro de 2014, ela consolidou todas as atividades de rent a car e de gestão terceirizada de frotas (GTF) do Grupo JSL.

O setor foi extremamente afetado pela crise do coronavírus, principalmente nos segmentos de Rent a Car, aluguel de curto prazo, pelo qual muitos motoristas de aplicativos alugam seus carros, no segmento pessoas físicas, e também o da venda de Seminovos, impactando diretamente na velocidade de renovação da frota. Contudo, avaliamos que o cenário tende a ser mais positivo em meio a possibilidade de reabertura gradual da economia.”

Vale ON (VALE3)

“Temos uma visão construtiva para a Vale. Ressaltamos o foco do management no controle de custos, além da contínua redução de capex e endividamento. Além disso, os preços de minério continuam em patamares elevados (fruto da menor oferta no mercado), enquanto a empresa negocia a múltiplos descontados.

No curto prazo, os papéis da mineradora devem continuar voláteis, reflexo do fluxo de notícias negativas em torno da empresa dados os danos de imagem à companhia e provisões para pagamento de multas e indenizações.”

Pretende diversificar a
sua carteira
de investimentos?