Usamos cookies para segurança, melhor experiência e personalização de conteúdo de acordo com a nossa Política de Privacidade.
Clique em "Configurar cookies" para gerenciar suas preferências.

X

Para "Aceitar", selecione os itens e clique no botão abaixo:

Ibovespa surfa na onda externa e volta para os 81 mil pontos

Data de criação:

access_time 18/05/2020 - 18:50

Data de atualização:

access_time 18/05/2020 - 20:10
format_align_left 2 minutos de leitura

Quer saber como investir?

Abra AGORA sua conta no banco digital dos investidores

QUERO ABRIR MINHA CONTA

Pegando carona externa, o Ibovespa fechou o pregão em alta nesta segunda-feira. O dia também foi de exercício de opções sobre ações, com mais volume de vendas, mas com o investidor olhando para o bom humor externo.  Os preços do petróleo mostraram recuperação, bem como o minério de ferro.

Ao final, o Ibovespa ficou em alta de 4,69% aos 81.194 pontos. O volume financeiro ficou em R$34,37 bilhões.

“Mercado ganhou força acompanhando o externo. A fala de Jerome Powell e as reaberturas de algumas economias da Europa e da Ásia também ajudaram. Nos últimos dias algumas ações foram bem depreciadas, como as dos bancos, que voltaram para as compras. O dia também foi exercício de opções sobre ações e com o investidor mais otimista para o segundo semestre. O que ocorreu ontem já está no passado e agora a regra é olhar o futuro”, disparou o operador da corretora Renascença, Luiz Roberto Monteiro.

Operaram com ganhos
Azul PN, alta de 29,87%; CVC Brasil, alta de 19,24%; GOL PN, alta de 14,46%; Braskem PNA, alta de 14,97%; e MRV ON, alta de 13,82%.

Operaram com perdas
Minerva ON, queda de 9,94%; Klabin UNT, queda de 7,96%; Marfrig ON, queda de 6,62%; Suzano ON, queda de 8,55%.

Mais negociadas
Vale ON, alta de 6,68%; Carrefour BR ON, queda de 1,15%; Petrobras PN, alta de 8,10%; Bradesco ON, alta de 5,26%; e ItauUnibanco PN, alta de 4,83%.

Carteira Teórica
Na Carteira Teórica do Índice Bovespa, que passou a vigorar de 04 de maio de 2020 a 04 de setembro de 2020, estão os cinco ativos que apresentaram o maior peso na composição do índice: Vale ON (10,154%), Itauunibanco PN (7,414%), Bradesco PN (5,611%), Petrobras PN (5,610%) e B3 ON (5,405%).

Commodities

O petróleo referência Brent ficou em alta de 2,21% e com o barril negociado aos US$35,58 na bolsa Mercantil de Futuros de Londres.

O petróleo WTI ficou em alta de 11,55% e com o barril negociado aos US$32,83 na bolsa Mercantil de Futuros, Nova York.

O preço do minério de ferro negociado no porto de Qingdao, China, ficou em alta de 3,41% a US$96,84 a tonelada seca.

*Por Ivonéte Dainese

Pretende diversificar a
sua carteira
de investimentos?