Usamos cookies para segurança, melhor experiência e personalização de conteúdo de acordo com a nossa Política de Privacidade.
Clique em "Configurar cookies" para gerenciar suas preferências.

X

Para "Aceitar", selecione os itens e clique no botão abaixo:

ÍNDICES: Movimentos das bolsas de ações e moedas

Data de criação:

access_time 17/02/2020 - 11:16

Data de atualização:

access_time 17/02/2020 - 11:16
format_align_left 4 minutos de leitura

Quer saber como investir?

Abra AGORA sua conta no banco digital dos investidores

QUERO ABRIR MINHA CONTA

Acompanhe o comportamento dos principais índices dos mercados acionários e das moedas para esta segunda-feira (17/02/20).

ÁSIA – Ao final, o índice Hang Seng da bolsa de Hong Kong ficou em alta de 0,52% a 27.959 e o índice Shenzhen Composite ficou em alta de 3,18% a 1.835. O índice Xangai ficou em alta de 2,28% a 2.983. O índice FTSE Straits Times, bolsa de Singapura, ficou em queda de 0,22% a 3.213. O índice Nikkei 225, bolsa de Tóquio, ficou em queda de 0,69% aos 23.523. O índice S&PASX 200, bolsa de Sidney, ficou estável a 7.125. O índice Kospi, Seul, ficou em estável a 2.242. O índice Sensex, bolsa da Índia, ficou em queda de 0,49% aos 41.257. O índice Taiex, bolsa de Taiwan, ficou em queda de 0,44% aos 11.763.

Na Ásia, as bolsas fecharam sem direção nesta segunda-feira. O índice MSCI Asia Pacific fechou o dia com queda de 0,2%. Hoje, o Banco do Povo da China (PBoC) reduziu os juros para empréstimos de médio prazo de 3,25% para 3,15%, como parte do esforço para sustentar a economia em meio à epidemia provocada pelo coronavírus. No Japão, o índice Nikkei caiu 0,69% em Tóquio, após dados oficiais mostrarem que o PIB teve desempenho muito pior do que o esperado no último trimestre de 2019, com a queda anualizada de 6,3%, a primeira contração em mais de um ano.

EUROPA – Há pouco, o índice Stoxx Europe 600 seguia em 0,83% aos 431.35 em Londres; o FTSE-100 (Londres) seguia em alta 0,23% aos 7.426; o DAX 30 (Frankfurt) seguia em alta de 0,15% a 13.765; o CAC 40 (Paris) seguia em alta de 0,11% a 6.076; o FTSE-MIB (Milão) seguia em alta de 0,58% aos 25.011; o Ibex 35 (Madri) seguia em alta de 0,29% a 9.985; e o PSI-20 (Lisboa) seguia em alta de 1,21% a 5.392.

Na Europa, bolsas operam em alta. O cenário de cautela permanece com o vírus, mas a decisão do corte de juros na China alimentou as expectativas de que o governo chinês deverá impedir maiores danos sobre a atividade econômica decorrentes da epidemia do coronavírus. As moedas operam divididas.

ESTADOS UNIDOS: O Dow Jones (futuros) opera em alta de 0,12% aos 29.431 pontos. O S&P (futuros) opera em alta de 0,19% aos 3.387 pontos. O Nasdaq (futuros) opera em alta de 0,32% aos 9.663 pontos.

No mercado americano, o feriado de hoje, Dia dos Presidentes, mantém a maioria dos mercados fechados. Os futuros dos principais índices de ações da bolsa de Nova York registram valorizações, nesta manhã. A agenda doméstica está vazia.

BRASIL: O Ibovespa opera em alta de 0,45% aos 114.895 pontos. O dólar comercial opera em queda de 0,36% aos R$4,316 para a venda.

A bolsa de valores de São Paulo segue operando no azul. No radar, sem os Estados Unidos, permanece na temporada de balanços. Os dois pesos pesados do Ibovespa, Vale e Petrobras, divulgam resultados na semana. Sobe o câmbio, os investidores continuarão tentando antecipar qual é a estratégia do Banco Central, que voltou a fazer leilões de swap cambial. O Boletim Focus desta segunda-feira também está no radar, com mais uma projeção de redução do PIB.

Commodities

O petróleo referência Brent opera estável a US$57,98 o barril negociado na bolsa Mercantil de Futuros de Londres.

O petróleo WTI segue em estável aos US$52,04 o barril na bolsa Mercantil de Futuros, Nova York.

O preço do ouro segue em queda de 0,13% a US$1.584,30 a onça na bolsa Mercantil de Futuros, Nova York.

O minério de ferro negociado no porto de Qingdao, China, ficou em alta de 2,04% aos US$90,48 a tonelada seca e com 62% de pureza.

 

Pretende diversificar a
sua carteira
de investimentos?