Usamos cookies para segurança, melhor experiência e personalização de conteúdo de acordo com a nossa Política de Privacidade.
Clique em "Configurar cookies" para gerenciar suas preferências.

X

Para "Aceitar", selecione os itens e clique no botão abaixo:

Mercados asiáticos aos poucos estão voltando ao normal

Data de criação:

access_time 20/03/2020 - 10:39

Data de atualização:

access_time 20/03/2020 - 10:39
format_align_left 2 minutos de leitura

Quer saber como investir?

Abra AGORA sua conta no banco digital dos investidores

QUERO ABRIR MINHA CONTA

As bolsas de valores da Ásia voltaram para o azul nesta sexta-feira, com os investidores olhando para os ganhos modestos de Wall Street nas negociações de ontem. Aos poucos, Pequim vai determinando a retomadas das operações nas empresas. Porém, neste momento, a esperança é a de que ações de governos e de bancos centrais possam proteger a economia mundial de uma recessão global iminente causada pela pandemia de coronavírus.

Ao final, o índice Hang Seng da bolsa de Hong Kong ficou em alta de 5,05% a 22.805 e o índice Shenzhen Composite ficou em alta de 1,28% a 1.704. O índice Xangai ficou em alta de 1,61% a 2.745. O índice FTSE Straits Times, bolsa de Singapura, ficou em alta de 4,32% a 2.410. O índice S&PASX 200, bolsa de Sidney, ficou em alta de 0,70% a 4.816. O índice Kospi, Seul, ficou em alta de 7,44% a 1.566. O índice Sensex, bolsa da Índia, ficou em alta de 5,75% os 29.915. O índice Taiex, bolsa de Taiwan, ficou em alta de 6,37% aos 9,234. O MSCI Asia Pacific subiu 3,2%, com avanços de 1,61%

Sem as operações no Japão, que está fechado com feriado, os demais registraram ganhos importantes, como o Hang Seng e o Kospi, entre outros.

O petróleo ganhou novamente terreno depois que o referência dos Estados Unidos subiu 23% nas negociações de ontem, o maior ganho de um dia já registrado, com o apelo para que o governo Trump, segundo fontes, estaria considerando intervir na guerra comercial sobre a commoditie entre a Arábia Saudita e a Rússia.

Ainda pesou no desempenho dos mercados asiáticos, as medidas do Federal Reserve, junto com outros bancos centrais e governos para apoiar os mercados de crédito e a economia.

Os investidores também pareciam estar animados com os relatos de que a China deve aumentar os gastos com estímulos, isso depois que a província de Wuhan, onde o vírus surgiu em dezembro do ano passado, não mostrou novas infecções desde quarta-feira.

A agenda local estava vazia.

Tradução ID de agências internacionais e relatórios oficiais

Pretende diversificar a
sua carteira
de investimentos?