Usamos cookies para segurança, melhor experiência e personalização de conteúdo de acordo com a nossa Política de Privacidade.
Clique em "Configurar cookies" para gerenciar suas preferências.

X

Para "Aceitar", selecione os itens e clique no botão abaixo:

Mercados asiáticos reagem e ficam no azul com Fed e Jogos Olímpicos adiados

Data de criação:

access_time 24/03/2020 - 10:21

Data de atualização:

access_time 24/03/2020 - 10:21
format_align_left 3 minutos de leitura

Quer saber como investir?

Abra AGORA sua conta no banco digital dos investidores

QUERO ABRIR MINHA CONTA

As bolsas de valores da Ásia voltaram para o campo positivo nesta terça-feira, com os investidores animados com as medidas do Federal Reserve, bem como pelo adiamento por um ano dos Jogos Olímpicos de Tóquio.

Ontem, com os Estados Unidos operando no remoto, os índices de peso permaneceram no vermelho esperando pelo Congresso americano, que adiou a ação sobre um pacote de ajuda de US $ 2 trilhões para combater o coronavírus.

Ao final, o índice Hang Seng da bolsa de Hong Kong ficou em alta de 4,46% a 22.663 e o índice Shenzhen Composite ficou em alta de 2,10% a 1.666. O índice Xangai ficou em alta de 2,34% a 2.722. O índice FTSE Straits Times, bolsa de Singapura, ficou em alta de 5,76% a 2.362. O índice S&PASX 200, bolsa de Sidney, ficou em alta de 4,17% a 4.735. O índice Nikkei 225, bolsa de Tóquio, ficou em alta de 7,13% aos 18.092. O índice Kospi, Seul, ficou em alta de 8,60% a 1.609. O índice Sensex, bolsa da Índia, ficou em alta de 2,67% os 26.6741. O índice Taiex, bolsa de Taiwan, ficou em alta de 4,45% aos 9.285. O índice MSCI Asia Pacific subiu 4,8%.

Os traders foram encorajados para as compras com a promessa do Federal Reserve, em comprar títulos do Tesouro e títulos lastreados de hipotecas, entre outros ativos necessários para manter o funcionamento dos mercados financeiros.

O presidente do Comitê Olímpico Internacional, Thomas Bach, concordou com a proposta de adiar as Olimpíadas de Tóquio por cerca de um ano por causa do surto de coronavírus, disse o primeiro-ministro japonês Shinzo Abe.

Abe disse após suas conversas telefônicas com Bach que ele solicitou um adiamento “levando em consideração as circunstâncias atuais” e para garantir um ambiente em que os atletas possam ter o melhor desempenho e as multidões possam estar seguras. Ele acrescentou que espera reagendar as Olimpíadas como prova da vitória humana sobre a pandemia de coronavírus.

Os índices de Wall Street caíram mais de 3% depois que o Congresso não aprovou o pacote de apoio econômico. Entre as propostas contidas no pacote de Donald Trump, sugeria o envio de cheques para as famílias americanas, ofereceria apoio a pequenas empresas e ao setor de viagens mais afetado. Porém, os democratas dizem que favorece muito as empresas às custas dos trabalhadores e da saúde pública.

Em Tóquio, entre as ações com ganhos ficaram as da SoftBank Group, alta de 18,95%, as da Tokyo Electron, alta de 18,03%, Hitachi Construction Machinery, alta de 16,07%, e Sumco Corp, alta de 15,67%. Na contramão ficaram as ações da Central Japan Railway, queda de 4,27%, Keio Corp, queda de 4,36%, e Nippon Telegraph, queda de 2,50%.

Em Hong Kong, entre as ações com ganhos ficaram as da Geely Automobile Holdings, alta de 10,71%, Sunny Optical Tecnology, alta de 8,05%, as da Galaxy Entertaiment Group, alta de 7,86%, as da Sands China, alta de 7,53% e as da AAC Technologies Holdings, alta de 7,23%.

O Japão apresentou prévia do PMI Composto.

Tradução ID de agências internacionais e relatórios oficiais

Pretende diversificar a
sua carteira
de investimentos?