Usamos cookies para segurança, melhor experiência e personalização de conteúdo de acordo com a nossa Política de Privacidade.
Clique em "Configurar cookies" para gerenciar suas preferências.

X

Para "Aceitar", selecione os itens e clique no botão abaixo:

Mercados asiáticos subiram e a China segue no foco com o coronavírus

Data de criação:

access_time 29/01/2020 - 09:43

Data de atualização:

access_time 29/01/2020 - 09:43
format_align_left 2 minutos de leitura

Quer saber como investir?

Abra AGORA sua conta no banco digital dos investidores

QUERO ABRIR MINHA CONTA

Os mercados asiáticos subiram nesta quarta-feira, com os investidores analisando o fechamento de Wall Street nas negociações de ontem. Na volta das operações de Hong Kong, o índice principal fechou em queda. O avanço do coronavírus segue pressionando com a expansão na China.

Na Ásia, o índice Hang Seng, bolsa de Hong Kong, ficou em queda de 2,28% a 27.160; o índice FTSE Straits Times, bolsa de Singapura, ficou estável a 3.182. O índice Nikkei 225, bolsa de Tóquio, ficou em alta de 0,71% aos 23.379. O índice S&PASX 200, bolsa de Sidney, ficou em alta de 0,53% a 7.031. O índice Kospi, Seul, ficou em alta de 0,39% a 2.185. O índice Sensex, bolsa da Índia, ficou em alta de 0,57% aos 41.198. O índice Taiex, bolsa de Taiwan, ficou em alta de 0,24% aos 12.118.

Na volta do feriado do Ano Novo Lunar, as autoridades de Hong Kong declararam emergência na cidade devido à disseminação de coronavírus na China continental. São mais de 5.000 pessoas contaminadas e com o número de mortes em 130.

Nos mercados, as ações das companhias aéreas foram duramente atingidas em meio a restrições de viagens. As da China Eastern Airlines caíram 3,43% e as da China Southern Airlines recuaram 3,65%.

As ações dos cassinos e as empresas imobiliárias também afundaram, com Sands China perdendo 5,57%, as da Hang Lung Properties recuando 6,67% e as da Country Garden Holdings Co., queda de 5,85%. Ainda em Hong Kong, as ações da Tencent Holdings recuaram 0,67%, as da Power Assets Holdings perderam 0,96%.

As petroleiras também caíram forte, como as ações da CNOOC, queda de 4,45%.

Em Tóquio, as ações do SoftBank subiram 2,24% e as da Honda subindo 0,80%.

Na Austrália, o Índice de Preços ao Consumidor – CPI de todos os grupos aumentou 0,7% neste trimestre, em comparação com um aumento de 0,5% no trimestre de setembro de 2019.

O aumento de 1,8% nos 12 meses encerrados em dezembro de 2019, comparado a um aumento de 1,7% nos 12 meses encerrados em setembro de 2019.

Os aumentos de preço mais significativos neste trimestre são tabaco (+ 8,4%), férias domésticas, viagens e acomodações (+ 7,3%), combustível automotivo (+ 4,4%) e frutas (+ 6,8%). As informações são do Governo Australiano.

Tradução ID de agências e relatórios internacionais

Pretende diversificar a
sua carteira
de investimentos?