Usamos cookies para segurança, melhor experiência e personalização de conteúdo de acordo com a nossa Política de Privacidade.
Clique em "Configurar cookies" para gerenciar suas preferências.

X

Para "Aceitar", selecione os itens e clique no botão abaixo:

Mirae Asset e a Carteira de Fundos para Outubro

Data de criação:

access_time 06/10/2020 - 10:26

Data de atualização:

access_time 06/10/2020 - 10:26
format_align_left 2 minutos de leitura

Quer saber como investir?

Abra AGORA sua conta no banco digital dos investidores

QUERO ABRIR MINHA CONTA

Os analistas da Mirae Asset optaram por apenas uma troca na Carteira de Fundos para o mês de Outubro. Saiu a Bresco Logística para a entrada da Vinci Renda Imobiliária.

Carteira para Outubro

BTG Pactual Fundo de Fundos FII (BCFF11) com peso em 20% a R$90,28;

CHSG Logística FII (HGLG11) com peso em 20% a R$169,99;

BTG Pactual Logística Fundo de Inv. FII (BTG11) com peso em 20% a R$104,40;

FII Vinci Renda Imobiliária (VISC11) com peso em 20% a R$109,65; e

XP Malls FII Imobiliário (XPML11) com peso em 20% a R$104,98.

Os analistas fizeram uma troca, com a saída da Bresco Logística FII (BRCO11) para a entrada da FII Vinci Renda Imobiliária (VISC11).

O desempenho na Carteira em setembro,  participação em 100%, em menos 1,0%, desempenho do IFIX na cota de entrada em R$2.782,1 e no final em R$2.794,9, com alta de 0,5%. O desempenho do CDI ficou em alta de 0,2%.

Justificativas

“A propagação da COVID-19, a partir de março/20, ocasionou desaceleração na economia e no aumento de desemprego. Apesar dessa pausa, não estamos pessimistas com o setor, já que acreditamos que a volta da economia está ocorrendo ao longo do 2S20 e ocorrerá também em 2021. Para o setor de lajes corporativas, esperamos aumento de vacância com o aumento do modelo de home office sendo praticado e o impacto da crise em alguns inquilinos e, portanto, ainda não estamos colocando ativos desse segmento na nossa carteira no momento.

Seguimos otimistas com o segmento de galpões de logística, fundos de fundos e esperamos recuperação nas vendas dos shoppings, que já vem aumentando desde julho/20, mas com maior volume a 3T20 e do 4T20. Com as recentes quedas na taxa Selic, o dividend-yield dos fundos deverá continuar superior e até mesmo aumentando seu ganho em relação à taxa Selic, sendo uma boa opção para investidores.”

Pretende diversificar a
sua carteira
de investimentos?