Usamos cookies para segurança, melhor experiência e personalização de conteúdo de acordo com a nossa Política de Privacidade.
Clique em "Configurar cookies" para gerenciar suas preferências.

X

Para "Aceitar", selecione os itens e clique no botão abaixo:

Resumo de Empresas da Terra Investimentos para esta quarta-feira

Data de criação:

access_time 29/04/2020 - 11:20

Data de atualização:

access_time 29/04/2020 - 11:20
format_align_left 2 minutos de leitura

Quer saber como investir?

Abra AGORA sua conta no banco digital dos investidores

QUERO ABRIR MINHA CONTA

A Terra Investimentos destaca os principais movimentos corporativos para esta quarta-feira (29). O destaque fica para a Vale, que apresentou resultados financeiros referentes ao primeiro trimestre de 2020 e reverteu o prejuízo do mesmo período do ano passado.

Vale (VALE3)

A companhia apresentou lucro líquido do primeiro trimestre de 2020 e revertendo o prejuízo do 1T19, por conta de menores despesas advindas pela tragédia na barragem de Brumadinho que afetaram fortemente os números do ano de 2019. No entanto, o lucro ficou menor que o esperado pelo mercado. Um ponto interessante foi o crescimento em seu caixa, e a menor dívida, apresentando queda de 1,4% em relação ao visto no último trimestre. Mesmo com menor demanda, por conta das restrições de locomoção, que acabaram afetando negativamente o seu faturamento, a companhia tem a seu favor o dólar apreciado, e os preços do minério em patamares elevados e a expectativa da recuperação da China, seu principal mercado.

RaiaDrogasil (RADL3)

A RaiaDrogasil superou previsões no resultado, já que grande parte de sua rede ficou aberta, ao contrário de muitos outros segmentos. O crescimento das vendas onlines também foi o grande catalizador para esse bom desempenho. A empresa ainda informou que iniciou um braço digital, envolvendo consultas médicas via telemedicina, teleatendimento psicológico e verificador de sintomas via chatbot. Para os próximos períodos a RD pretende ainda disponibilizar testes rápidos para Covid-19 em sua rede e ainda informou que mantem sua expectativa de abertura de lojas, chegando ao final do ano, a um total de abertura de 240 lojas.

Minerva (BEEF3)

A companhia apresentou elevação de 11,8% em sua receita líquida, mesmo apresentando recuo no abate, sendo afetada positivamente por maiores preços. O EBITDA cresceu 16% em igual período de comparação. Com os melhores resultados operacionais o seu resultado final ficou positivo, revertendo o prejuízo do 1T19. A divisão Brasil foi responsável por 48% do faturamento, a Athena Foods que opera no Uruguai, Paraguai, Colômbia, Chile e Argentina contribuiu com 43% do total. O nível de alavancagem permaneceu praticamente estável, abaixo de 3x. A companhia ainda acredita que a demanda internacional seguirá forte, dado os problemas na oferta de outros exportadores de carne bovina, vindo a beneficiar diretamente os frigoríficos brasileiros.

Cielo (CIEL3)

Refletindo a forte queda na atividade por conta do isolamento e ainda enfrentando a forte concorrência, a companhia nesse 1T20, apresentou fraco desempenho. Reportando queda de 69,4% em seu lucro líquido se comparado ao 1T19. O EBITDA reduziu 30,7% na mesma base de comparação.

Pretende diversificar a
sua carteira
de investimentos?