Usamos cookies para segurança, melhor experiência e personalização de conteúdo de acordo com a nossa Política de Privacidade.
Clique em "Configurar cookies" para gerenciar suas preferências.

X

Para "Aceitar", selecione os itens e clique no botão abaixo:

Wall Street fecha em alta com pregão encurtado pela Black Friday

Data de criação:

access_time 27/11/2020 - 16:48

Data de atualização:

access_time 27/11/2020 - 16:48
format_align_left 1 minuto de leitura

Quer saber como investir?

Abra AGORA sua conta no banco digital dos investidores

QUERO ABRIR MINHA CONTA

A bolsa de Nova York fechou em alta nesta sexta-feira. O que se viu foi o investidor animado com as informações sobre vacinas e com as expectativas elevadas para a Black Friday.

Ao final, o Dow Jones ficou em alta de 0,13% aos 29.910 pontos. O S&P ficou em alta de 0,24% aos 3.638 pontos. O Nasdaq ficou em alta de 0,92% aos 12.205 pontos.

Com o pregão encurtado e baixa liquidez, os investidores mantiveram as atenções nas informações sobre as vacinas.

A AstraZeneca, que desenvolve uma candidata com a Universidade de Oxford, disse no início desta semana que sua vacina foi cerca de 90% eficaz quando os voluntários receberam meia dose seguida de uma dose completa um mês depois, mas 62% eficaz quando duas doses completas foram administradas. As declarações confusas obrigaram o CEO, Pascal Soriot, a admitir um erro e a necessidade de mais estudos sobre o medicamento, segundo a Bloomber

Já a Pfizer- BioNTech entraram com um pedido de autorização de uso de emergência junto à Food and Drug Administration dos Estados Unidos, que permitiria que sua vacina fosse usada no país a partir de dezembro.

Do lado corporativo, a Tesla anunciou nesta sexta-feira que vai construir uma unidade de supercarregadores para seus veículos elétricos em Shanghai, com previsão para início das operações no primeiro trimestre de 2021.

O investimento será de 42 milhões de yuans (US$ 6,4 milhões), com a produção estimada em 10 mil supercarregadores por ano, principalmente do modelo V3. A empresa afirmou que um supercarregador V3 pode ter um alcance adicional de 250 km, bastando apenas 15 minutos de carga.

Atualmente, os supercarregadores da Tesla utilizados na China são todos importados dos Estados Unidos.

A agenda dos Estados Unidos estava vazia.

*Por Ivonéte Dainese com informações da Ag. Xinhua (China)

Pretende diversificar a
sua carteira
de investimentos?