Usamos cookies para segurança, melhor experiência e personalização de conteúdo de acordo com a nossa Política de Privacidade.
Clique em "Configurar cookies" para gerenciar suas preferências.

X

Para "Aceitar", selecione os itens e clique no botão abaixo:

Wall Street fecha em alta com radar no pacote emergencial

Data de criação:

access_time 05/08/2020 - 19:14

Data de atualização:

access_time 05/08/2020 - 19:14
format_align_left 2 minutos de leitura

Quer saber como investir?

Abra AGORA sua conta no banco digital dos investidores

QUERO ABRIR MINHA CONTA

A bolsa de Nova York fechou em alta nesta quarta-feira, com os investidores analisando os resultados corporativos e os dados do setor de serviços, que surpreenderam de maneira positiva, bem como o relatório do emprego no setor privado da ADP.

Ao final, o Dow Jones ficou em alta de 1,39% aos 27.201 pontos. O S&P ficou em alta de 0,64% aos 3.327 pontos. O Nasdaq ficou em alta de 0,52% aos 10.998 pontos.

As informações do progresso no Congresso em direção a um novo pacote de alívio de coronavírus também ajudaram nos desempenhos de hoje. A decisão, segundo a mídia americana, poderá ocorrer antes do fim de semana.

Enquanto os legisladores discutem sobre ajuda, a presidente da Câmara dos Deputados, Nancy Pelosi, disse hoje que o governo Trump poderá estender a moratória federal sobre as ações de despejos implementadas em março pela Lei CARES, que expirou em 25 de julho.

Entre as ações com ganhos ficaram as da Apple Inc., alta de 0,36%, mesmo depois que o Bank of America rebaixou as ações para Neutra em relação à COMPRA. No relatório, os analistas apontaram para um perfil de recompensa de risco mais equilibrado para as ações, que atualmente estão sendo negociadas com o maior prêmio no S&P 500.

As ações da Johnson & Johnson subiram 0,8%, depois que a empresa disse que receberá mais de US $ 1 bilhão do governo dos Estados Unidos para fabricar 100 milhões de doses de sua vacina experimental COVID-19.

Nos Estados Unidos, o emprego no setor privado aumentou 167 mil entre junho e julho, de acordo com o ADP National Employment Report divulgado hoje. O relatório, que é derivado dos dados reais da folha de pagamento da ADP, mede a mudança no emprego privado não-agrícola total a cada mês, com ajuste sazonal.

Nos Estados Unidos, o Census Bureau e o Departamento de Análises Econômicas anunciaram hoje que o déficit de bens e serviços foi de US $ 50,7 bilhões em junho, uma queda de US $ 4,1 bilhões em relação a US $ 54,8 bilhões em maio.

Nos Estados Unidos, o índice da Atividade de Negócios do setor de Serviços, da IHS Markit, registrou 50,0 no início do terceiro trimestre, 47,9 em junho e melhorando a estimativa ‘flash’ de 49.6, para sinalizar uma estabilização.

*Por Ivonéte Dainese de relatórios oficiais e com agências

Pretende diversificar a
sua carteira
de investimentos?