Usamos cookies para segurança, melhor experiência e personalização de conteúdo de acordo com a nossa Política de Privacidade.
Clique em "Configurar cookies" para gerenciar suas preferências.

X

Para "Aceitar", selecione os itens e clique no botão abaixo:

Wall Street fecha em alta esperando os US$2 trilhões

Data de criação:

access_time 26/03/2020 - 19:04

Data de atualização:

access_time 26/03/2020 - 19:04
format_align_left 4 minutos de leitura

Quer saber como investir?

Abra AGORA sua conta no banco digital dos investidores

QUERO ABRIR MINHA CONTA

Os índices de peso de Wall Street fecharam no azul nesta quarta-feira, com a expectativa de que o pacote de US $ 2 trilhões seja assinado o mais breve possível pelo presidente Donald Trump. No lado negativo ficaram os pedidos iniciais de auxílio desemprego, com recorde de 3,28 milhões na semana passada com a pandemia de coronavírus subindo em todo o país.

Ao final, o Dow Jones subiu 6,38% aos 22.552 pontos. O S&P subiu 6,24% aos 2.630 pontos. O Nasdaq subiu 5,60% aos 7.797 pontos.

O lado positivo nessa sessão ficou com os investidores um pouco mais aliviados com a aprovação pelo Senado do projeto de lei histórico de US$ 2 trilhões em estímulos econômicos, colocando-o um passo mais perto de ser assinado como lei para mitigar as consequências econômicas do surto.

Depois de passar com folga no Senado, espera-se que a Câmara vote a aprovação até amanhã (27) para assinatura do presidente Donald Trump no sábado (28).

Além disso, o presidente do Federal Reserve, Jerome Powell, em um programa matinal, disse que os americanos devem saber que o banco central está “trabalhando duro para apoiá-lo agora”.

O lado preocupante ficou com o número de americanos que solicitaram subsídios de desemprego na semana passada, um recorde de 3,28 milhões. Centenas de empresas estão fechando e demitindo trabalhadores como parte dos esforços para retardar a disseminação do coronavírus.

As reivindicações iniciais do benefício na semana encerrada em 21 de março superaram os 282 mil da semana anterior e mais que quadruplicaram o recorde anterior de novas reivindicações semanais de 695 mil em 1982, segundo dados do Departamento do Trabalho divulgados hoje. Durante a recessão de 2008 e 2009, o maior número de novas reivindicações em uma semana foi de 655 mil. As reivindicações contínuas atingiram cerca de 6,6 milhões em 2009, quando o número total de desempregados aumentou para cerca de 15 milhões.

A pandemia de coronavírus já infectou 510.000 pessoas em todo o mundo e matou quase 23 mil pessoas, segundo dados compilados pela Universidade Johns Hopkins. Nos Estados Unidos, quase 70 mil pessoas contraíram a doença, enquanto 1.046

Nos mercados de títulos, o rendimento da nota do Tesouro dos Estados Unidos de 10 anos caiu 2 pontos base para 0,82%. A demanda dos investidores por novas dívidas do governo foi forte em um leilão ao meio-dia.

Entre as ações com ganhos no Dow Jones ficaram as da Boeing, alta de 13,75%, as da Chevron, alta de 10,26%, as da UnitedHealth, alta de 8,91%, as da Intel Corp, alta de 8,35%, e as da Verizon Communications, alta de 7,21%.

No S&P, entre as ações com ganhos ficaram as da Coty Inc, alta de 24,16%, as da Sysco Corp., alta de 17,15%, as da Fifth Third, alta de 16,87%, as Macy’s, queda de 10,14%, Norwegian Cruise, queda de 7,37%, e as da GAP Inc, queda de 5,90%.

Nos Estados Unidos, o produto interno bruto real (PIB) aumentou a uma taxa anual de 2,1% no quarto trimestre de 2019, de acordo com a “terceira” estimativa divulgada pelo Departamento de Análises Econômicas. No terceiro trimestre, o PIB real também aumentou 2,1%.

Nos Estados Unidos, o déficit comercial internacional foi de US $ 59,9 bilhões em fevereiro, queda de US $ 6,0 bilhões em relação aos US $ 65,9 bilhões em janeiro. As exportações de mercadorias para fevereiro foram de US $ 136,5 bilhões, US $ 0,7 bilhão a mais que as exportações de janeiro. As importações de mercadorias para fevereiro foram de US $ 196,4 bilhões, US $ 5,3 bilhões a menos do que as importações de janeiro.

Tradução ID de agências internacionais

Pretende diversificar a
sua carteira
de investimentos?