Usamos cookies para segurança, melhor experiência e personalização de conteúdo de acordo com a nossa Política de Privacidade.
Clique em "Configurar cookies" para gerenciar suas preferências.

X

Para "Aceitar", selecione os itens e clique no botão abaixo:

Wall Street ganha força com tecnologia e atenção para o pacote emergencial

Data de criação:

access_time 01/02/2021 - 20:36

Data de atualização:

access_time 01/02/2021 - 20:36
format_align_left 2 minutos de leitura

Quer saber como investir?

Abra AGORA sua conta no banco digital dos investidores

QUERO ABRIR MINHA CONTA

Os índices de Wall Street voltaram para o campo positivo nesta segunda-feira (01/02). A retomada das compras ocorreu com as ações de tecnologia e também com os investidores apostando na aprovação do pacote fiscal proposto pelo presidente Joe Biden.

Ao final, o Dow Jones subiu 0,76% aos 30.211 pontos. O S&P subiu 1,61% aos 3.773 pontos. O Nasdaq ganhou 2,55% aos 13.403 pontos.

O setor de tecnologia pesou no S&P 500, com as ações das gigantes, Microsoft e Apple, com os maiores ganhos.

Na semana passada, as ações da GameStop Corp subiram mais de 400%, mas na sessão desta segunda-feira a queda foi de 30,8%. Hoje, os integrantes do fórum Reddit escolheram outros ativos para comprar, como a prata. O iShares Silver Trust (SLV), que é o maior ETF lastreado em prata, avançou mais 10% e a onça do metal ficou acima de US $ 30 pela primeira vez desde 2013.  O índice de metais XLM avançou 1,03%.

Nesta segunda-feira, o presidente Joe Biden recebeu um grupo de senadores republicanos que propuseram um pacote reduzido de US $ 618 bilhões, o que representa uma distância muito grande de US$ 1,9 trilhão que Biden espera. Já no Congresso, os democratas  prometiam avançar com ou sem o apoio dos republicanos.

Entre as ações com ganhos no Dow Jones ficaram as da Microsoft, alta de 3,32%, as da Apple, ganho de 1,65%, as do Visa, alta de 2,64%, as da Intel Corp, alta de 2,13%, e as da Cisco Systems, alta de 1,84%.

Na contramão ficaram as ações da Walgreens Boots, queda de 2,83%, as do Walmart, queda de 0,87%, e as da Verizon, queda de 0,86%.

Nos Estados Unidos, o PMI de Manufatura do IHS Markit, ajustado, postou 59,2 em janeiro ante os 57,1 de dezembro, em com o anterior e acima do ‘flash’ de 59,1.

Nos Estados Unidos, o PMI de Manufatura de janeiro registrou 58,7% 1,8 pontos percentuais abaixo do índice ajustado sazonalmente. A leitura de dezembro era de 60,5%.

Nos Estados Unidos, os gastos com projetos de construção aumentaram 1% em dezembro a uma taxa anual ajustada sazonalmente de US $ 1,49 trilhão, informou o Departamento de Comércio.

*Por Ivonéte Dainese com relatórios e agências internacionais

Pretende diversificar a
sua carteira
de investimentos?