Usamos cookies para segurança, melhor experiência e personalização de conteúdo de acordo com a nossa Política de Privacidade.
Clique em "Configurar cookies" para gerenciar suas preferências.

X

Para "Aceitar", selecione os itens e clique no botão abaixo:

Wall Street mantém alta na sessão com Payroll

Data de criação:

access_time 04/06/2021 - 19:24

Data de atualização:

access_time 04/06/2021 - 19:24
format_align_left 2 minutos de leitura

Quer saber como investir?

Abra AGORA sua conta no banco digital dos investidores

QUERO ABRIR MINHA CONTA

Os índices de peso de Wall Street fecharam em campo positivo nesta sexta-feira (04/06), com os investidores analisando os dados do Payroll. O indicador ficou abaixo das estimativas dos analistas.

Índices: o Dow Jones ficou em alta de 0,52% aos 34.756. O S&P 500 ficou em alta de 0,88% aos 4.229. O Nasdaq ficou em alta de 1,47% aos 13.814. Na semana, o Dow Jones subiu 0,7%, o S&P 500 subiu 0,6% e o Nasdaq avançou 0,5%.

As atenções dos negociadores permaneceram em cima dos dados do Payroll, que são os oficias do Departamento do Trabalho dos Estados Unidos. O resultado, mesmo acima de abril, ficou abaixo das projeções dos analistas.

O emprego total da folha de pagamento não agrícola aumentou 559 mil em maio e a taxa de desemprego ficou em 5,8%. Os analistas apostavam em mais 645 mil folhas e a queda na taxa de desemprego em 5,9%.

A leitura do mercado é de que os números afastam a probabilidade de um aperto monetário pelo Federal Reserve. Por mês, o banco central americano compra US$120 bilhões em ativos para ajudar o país a manter o ritmo econômico ante a pandemia de coronavírus.

A presidente do Fed de Cleveland, Loretta Mester, durante uma entrevista à CNBC, disse que o Fed quer ser “deliberadamente paciente” nas decisões políticas. Ela também disse que os ganhos salariais ainda não estão alimentando a inflação subjacente.

Hoje, o presidente Joe Biden, durante uma entrevista coletiva para discutir os números do emprego, elogiou o “progresso histórico” que foi feito desde que ele assumiu o cargo em janeiro, apontando para cerca de 2 milhões de empregos recuperados.

A vacina contra a Covid-19 desenvolvida em conjunto pela Pfizer e BioNTech foi aprovada para crianças de 12 a 15 anos no Reino Unido, disse a Agência Reguladora de Medicamentos e Produtos de Saúde (MHRA) nesta sexta-feira. As ações da Pfizer subiram 0,5%, enquanto as ações da BioNTech subiram 8,4%.

Entre as ações com ganhos no Dow Jones ficaram as da Salesforce, alta de 2,88%, as da Microsoft, alta de 2,07%, as da Intel Corp, alta de 2,01%, as da Cisco Systems, alta de 1,39%, e as da IBM, alta de 1,28%. Na contramão ficaram as da Travelers, queda de 0,62%, as da UnitedHealth Group, queda de 0,34%, as do Dow Inc, queda de 0,34%, e as da Boeing, queda de 0,16%.

*Tradução ID de agências e relatórios

Pretende diversificar a
sua carteira
de investimentos?