Usamos cookies para segurança, melhor experiência e personalização de conteúdo de acordo com a nossa Política de Privacidade.
Clique em "Configurar cookies" para gerenciar suas preferências.

X

Para "Aceitar", selecione os itens e clique no botão abaixo:

Wall Street recua forte com Covid e escolas de Nova York fechadas

Data de criação:

access_time 18/11/2020 - 20:27

Data de atualização:

access_time 18/11/2020 - 20:27
format_align_left 2 minutos de leitura

Quer saber como investir?

Abra AGORA sua conta no banco digital dos investidores

QUERO ABRIR MINHA CONTA

A bolsa de Nova York renovou a queda nesta quarta-feira. As notícias sobre vacinas alimentaram as negociações em grande parte do dia. Porém, o temor de que a decisão de autoridades de Nova York em fechar as escolas públicas possa ser adotada por demais estados acabou pesando no humor do investidor.

Ao final, o Dow Jones caiu 1,16% aos 29.438 pontos. O S&P caiu 1,16% aos 3.567 pontos. O Nasdaq ficou em queda de 0,82% a 11.801 pontos.

O prefeito de Nova York, Andrew Cuomo, determinou que o sistema de escolas públicas seja fechado a partir de amanhã. A decisão é para evitar que o coronavírus se alastre ainda mais. O sistema é o maior do País.

Enquanto isso, a Pfizer Inc, que viu as ações subindo 0,77%, disse nesta quarta-feira que a vacina candidata que desenvolveu com BioNTech mostrou 95% eficiência. A partir de agora, com a autorização da FDA para a fabricação, a expectativa é de que ainda esse ano sejam iniciadas as aplicações.

Já em tempos de pandemia de coronavírus assolando os Estados Unidos, as projeções apontam para um número menor de viajantes no Dia de Ação de Graças, mesmo com os preços dos combustíveis mais baixos em quatro anos.

Entre as ações com perdas nesta sessão estavam as da Boeing Co, queda em 3,21%, mesmo depois da Federal Aviation Administration ter aprovado o retorno ao serviço dos jatos 737 MAX. As aeronaves estão paradas ​​desde março de 2019.

Por outro lado, o tema vacinas puxou para cima as ações das companhias aéreas, como as da United Airlines Holding Inc em alta de 1,1%, as da American Airlines Group Inc subindo 0,31% e as da Delta Air Lines Inc avançando 0,8%.

As ações da Tesla subiram 10,20%, com a estreia no índice S&P. As da Amazon ficaram na contramão em 0,96%, as da Apple também caíram 1,14%, as do Facebook perderam 1,10%, as da Alphabet caíram 1,19% e as da Microsoft perderam 1,32%.

Nos Estados Unidos, as autorizações para construir ficaram na taxa anual, ajustada sazonalmente, em 1.545 milhão. O resultado foi inalterado (± 1,3%) em relação à taxa revisada de setembro de 1.545 milhão, mas foi 2,8% (± 1,6%) acima da taxa de outubro de 2019 de 1.503 milhão. As autorizações para residências unifamiliares, em outubro, ficaram em 1.120 milhão, isto foi 0,6% (± 1,0%) acima do número revisado de setembro de 1.113 mil. As autorizações para edifícios com cinco unidades, ou mais, atingiram a taxa de 365 mil em outubro. Os dados são do Census.

*Tradução ID de relatórios oficiais

Pretende diversificar a
sua carteira
de investimentos?